GM amplia plano de investimentos no país

Até 2019, serão R$ 13 bilhões para renovação de linha e tecnologia

Da Redação

redacao@amanha.com.br

GM amplia plano de investimentos no país

A General Motors (GM) anunciou, nesta terça-feira (28), que irá dobrar o valor do seu plano de investimentos no Brasil. Até 2019, serão R$ 13 bilhões destinados ao desenvolvimento de novas tecnologias e de produtos no país, como uma nova família de veículos da Chevrolet. A nova linha receberá o aporte de R$ 6,5 bilhões e irá atender os mercados consumidores de Brasil, China, Índia e México.

Jaime Ardila, chefe da GM para América do Sul, destacou, em entrevista coletiva, que o investimento não prevê o aumento da capacidade das fábricas da montadora no país. “Este novo investimento permitirá à marca Chevrolet continuar a renovação de sua linha de automóveis com foco em conectividade, segurança, eficiência energética e valor atraente”, detalhou Ardila. A GM não confirma, mas a fábrica de Gravataí, na região metropolitana de Porto Alegre (RS), deve receber a inclusão de dois modelos na plataforma Ônix, automóvel que começou a ser produzido na unidade em 2012.

Com capacidade atual de produzir até 350 mil carros por ano, a fábrica de Gravataí completou 15 anos em julho. Dois meses antes (leia aqui), trabalhadores e montadora entraram em acordo para implementar  o sistema de “day off” para adequar a produção à baixa demanda do mercado e evitar demissões. O mesmo problema tem sido enfrentado pela GM nas suas duas outras fábricas de automóveis no país, em São José dos Campos e São Caetano do Sul. Mesmo em um cenário desafiador, Santiago Chamorro, presidente da GM no Brasil, afirmou que a ampliação do investimento é uma demonstração do compromisso e da confiança que a empresa tem no Brasil e no potencial de crescimento do mercado local.



leia também

Araucária receberá aporte de R$ 200 mi - Petrópolis investirá mais de R$ 2 bi no PR

Harman amplifica atuação no Brasil - Em cinco anos no país, a fabricante de equipamentos de áudio do Sul quadruplicou de tamanho

Shiyan Yunlihong desiste de fábrica no Sul - Montadora chinesa investiria R$185 mi

Venda de veículos acumula queda de 19,4% neste ano - Anfavea prevê recuperação só para meados de 2016

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: