Conheça 15 empregos mais inusitados que o seu

Provador de cama de luxo fica deitado das dez da manhã às seis da tarde

Por Infomoney

Conheça 15 empregos mais inusitados que o seu

Nove em cada dez pais brasileiros gostariam que os filhos seguissem carreiras tradicionais, como medicina, engenharia e direito. Segundo uma pesquisa realizada em 16 países pelo banco HSBC, a preferência por essas áreas é maior no Brasil do que a média mundial, que foi de 83% dos entrevistados.

Entre os pais que disseram ter preferência pelas carreiras tradicionais, 23% afirmaram que gostariam que os filhos cursassem medicina, 18% disseram preferir engenharia e 12%, direito. Mas além das carreiras tradicionais, há oferta um pouco diferentes das oferecidas no mercado de trabalho ao redor do mundo. Conheça, a seguir, 15 profissões completamente inusitadas.

Limpador de orelha
O serviço, comum no Japão, utiliza palitos japoneses para que a tarefa seja bem feita.

Avó de aluguel
Uma empresa australiana oferece uma seleção de avós de aluguel para quem está com problemas na cozinha ou precisa de alguém para cuidar das crianças.

Aluguel de paparazzi
Em Nova York é possível contratar o seu próprio paparazzi, sendo que um fotógrafo anônimo segue o cliente para registrar fotos inusitadas da rotina.

Anão de aluguel
O serviço, geralmente requisitado em festas norte-americanas, serve para animar eventos.

Namorado de aluguel
Na China é possível contratar um namorado de aluguel para acompanhar qualquer cidadão a um jantar romântico, festa ou cinema.

Faxineiro de cenas de crime
Esse emprego é um tanto mórbido, mas pode ser um primeiro passo para quem está tentando se dar bem na carreira investigativa.

“Cheirador” de automóveis
São profissionais que analisam e controlam os odores dos veículos que saem das fábricas. O objetivo é que o automóvel só seja liberado para venda caso ele esteja com aquele cheirinho de novo.

Especialista em reparação de ursinhos de pelúcia
A Build-A-Bear tem um setor responsável só por cuidar de bichinhos de pelúcia que foram danificados com o tempo e manuseio.

Assessor vegetariano
A rede de supermercados Wegmans tem um assessor em cada loja para ajudar os clientes na hora de preparar receitas saudáveis. Além do auxílio com a preparação, os profissionais ensinam como fazer com que a comida vegetariana seja saborosa.

Provador de camas de luxo
A inglesa Roisin Madigan testou camas de luxo durante 30 dias. Idealizada pela empresa Simon Hord, especializada em camas de luxo, a vaga consiste em ficar deitada nas camas das dez da manhã às seis da tarde e passar todas as suas impressões para um blog.

Analista de tobogãs
O britânico Tommy Lynch viaja o mundo testando tobogãs. Além de avaliar altura, velocidade, quantidade de água e qualidade da aterrisagem, ele também fica de olho na segurança dos brinquedos aquáticos.

Mergulhador de campo de golfe
O profissional tem o objetivo de caçar as bolinhas lançadas pelos golfistas e que caem nos trechos de água, areia e árvores.

Designer da Hot Wheels
A equipe de criação dos carrinhos Hot Wheels tem a missão de lançar novas opções de brinquedos para as crianças, além de inventar maneiras diferentes de fazer com que um carrinho voe pelas pistas de plástico da marca.

Zelador de ilha paradisíaca
O britânico Ben Southall conseguiu o “melhor emprego do mundo”. Ele é zelador de uma ilha paradisíaca na Austrália. Além de nadar, explorar a natureza e escrever sua rotina em um blog, ele recebe um salário de US$ 111 mil.

Provador de caixão
O profissional testa o conforto e demais detalhes dos caixões. Para isso, o provador tem de ficar deitado em um caixão durante um período de tempo analisando cada aspecto que é lhe dado.



leia também

A empresa vai quebrar. E agora? - A resposta não é simples, pois envolve algumas questões muito subjetivas

De malas prontas - A crise econômica que o país atravessa tem levado cada vez mais profissionais ao exterior

Espelho: você é ou você tem? - Desde crianças, estamos sempre nos espelhando em alguém. Já na idade adulta, não é diferente

Governo anuncia regras de adesão ao PPE - Empresas devem esgotar banco de horas e férias para entrar no programa

Seis técnicas para conseguir um emprego - Ativar rede de contatos é fundamental

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: