Smart City Expo Curitiba 2020 se prepara para receber 10 mil participantes

FIRA Barcelona, iCities e Prefeitura de Curitiba estimam crescimento de 40% no público

Por Marisa Valério, de Curitiba (PR)

marisa.valerio@amanha.com.br

Evento de lançamento do Smart City Expo Curitiba 2020, no Teatro Paiol, em Curitiba (foto de Kelly Knevels)

O iCities, a FIRA Barcelona e a Prefeitura de Curitiba lançaram o Smart City Expo Curitiba 2020, durante evento no Teatro Paiol, na quinta-feira (5), com uma programação organizada para fazer da terceira edição a mais robusta realizada até agora. A intenção é que o congresso e a exposição atraiam cerca de 40% mais visitantes. A área de exposição para empresas será o dobro da da edição passada. A temática do Smart City Expo Curitiba 2020, que será sediado mais uma vez no Expo Barigui, é “Smart Cities in Action”. 

“Queremos transformar o cidadão em protagonista para materializar as ações de smart cities. Na primeira edição do Smart City Expo Curitiba, em 2018, falamos muito sobre inovação como desenvolvedor econômico, e na segunda, em março passado, sobre como planejar as cidades que queremos. Agora, vamos não só planejar, mas agir para transformar nossas cidades”, afirma Caio Castro, sócio-diretor do iCities, empresa que realiza o evento no Brasil. “Teremos experiências inovadoras no evento, um espaço gastronômico diferenciado. Será um evento maior, mais empolgante, com novas experiências e empresas”, acrescenta. 

Segundo Beto Marcelino, sócio-diretor de Novos Negócios do iCities, a terceira edição do evento nasce em um momento importante, em que a empresa participa da construção da Carta Brasileira de Cidades Inteligentes, um convite feito pelos ministérios de Desenvolvimento Regional, do Meio Ambiente e Ciência de Tecnologia. “A carta será um novo marco para regulamentação e cria um padrão no entendimento das esferas públicas e privada em relação aos direitos e deveres de cada um na requalificação das cidades no Brasil”, destaca.

Novidades para 2020
O espaço expositivo do SCE Curitiba 2020 será duas vezes maior do que o das edições anteriores. Com isso, serão mais empresas e startups participando do evento e expondo soluções para melhorar a qualidade de vida das pessoas nas cidades do futuro. “A gente pretende fazer um evento maior e com mais experiências. Vamos ocupar de uma maneira mais inovadora o espaço da Expo Barigui, usar alguns espaços externos, para o público poder aproveitar o parque. Teremos mais potencial de networking e business”, adianta Caio Castro.

A área central da exposição continuará dedicada à Smart Plaza Vale do Pinhão, que reunirá startups da capital que estão criando tecnologias e soluções para cidades inteligentes. “Neste espaço, serão mostradas todas as soluções inovadoras desenvolvidas pelo ecossistema de inovação de Curitiba”, conta Cris Alessi, presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação. Outra novidade da edição será um espaço gastronômico exclusivo e novas salas para workshops. 


MAIS NEGÓCIOS
Livre de aftosa e de vacina

O setor rural está empenhado em elevar o status do Paraná ao de área livre de febre aftosa sem vacinação. A estimativa é que sejam economizados cerca de R$ 30 milhões por ano, que seriam destinados à aplicação de vacinas. A Assembleia Legislativa do Paraná realizou a maior audiência pública de sua história para discutir a pauta, reunindo cerca de duas mil pessoas. Só a Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores Familiares do Estado do Paraná (Fetaep) mobilizou uma comitiva de mais de 400 agricultores familiares. 

A campanha se estende há mais de 30 anos e agora está a pleno vapor. Nos últimos meses foram realizados diversos fóruns de debates pelo interior do estado para demonstrar a importância da certificação. A previsão é que o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) possa autorizar a suspensão da vacina ainda em 2019 e, em 2020, solicitar à Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) o reconhecimento internacional do novo status. O único estado brasileiro livre de aftosa sem vacinação é Santa Catarina.

Partner Consulting na Coagrisol
A cooperativa gaúcha Coagrisol está implantando o Projeto Semear, que prevê dobrar seu faturamento em cinco anos. O planejamento estratégico foi desenvolvido pela Partner Consulting, empresa curitibana que assina o PRC 100, projeto em andamento dentro do Sistema Ocepar, cujo objetivo é dobrar o faturamento das cooperativas paranaenses até 2020, alcançando os R$ 100 bilhões. 

Aos 50 anos de atividade, a Coagrisol tem faturamento anual na casa de R$ 1 bilhão. “As cooperativas no Brasil vem dobrando de tamanho a cada cinco anos, além de formarem a base da economia no país. Um planejamento estratégico em sinergia com o quadro funcional e com os cooperados estabelece um caminho sustentável para o crescimento da Coagrisol”, diz Rui Rocha, da Partner. 

UniGenne: para atender o país
Dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) apontam que devem surgir mais de 600 mil novos casos da doença até o fim deste ano. Destes casos, entre 5% e 10% possuem associação com alterações genéticas e maior fator de risco aos familiares. No Brasil, mais de 13 milhões de pessoas sofrem com doenças raras. No mundo, estima-se que existam mais de 7 mil doenças raras, sendo que 80% delas são de origem genética, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A Unimed Laboratório Curitiba implantou a UniGenne, unidade especializada em diagnóstico genético molecular com logística para atender pacientes em todo o país. A tecnologia contribui para a investigação na área de oncogenética e de várias doenças raras e infecciosas. Mauro Scharf, diretor médico do laboratório, afirma que um dos objetivos da UniGenne é tornar os exames genéticos mais acessíveis a todos, por meio do “escalonamento inteligente”. Ele consiste na análise criteriosa, em conjunto com o médico solicitante, do perfil clínico dos pacientes para contemplar todas as fases da investigação molecular.

A operação permite que o próprio paciente realize a coleta de amostra em casa. “O kit para coleta é enviado ao local indicado pelo paciente e, por meio do fluxo de logística inteligente, retorna à UniGenne para análise”, detalha Scharf, reforçando que este tipo de coleta permite atender todo o território brasileiro de forma prática e rápida.

O novo negócio faz parte do plano de expansão do laboratório, que conta com 20 unidades em Curitiba e região metropolitana, e é referência em tecnologia, inovação, pesquisa e desenvolvimento. 


E TEM MAIS...
Aurélio no celular

O fim das dúvidas sobre a Língua Portuguesa está na ponta dos dedos. A Editora Positivo lançou novas versões dos dicionários Aurélio (5ª edição) e Mini Aurélio (8ª edição) para as plataformas Android, iOS, Web e Desktop. O tradicional companheiro de vocabulário dos brasileiros pode ser acessado de qualquer lugar, com possibilidade de uso sem acesso à internet, e facilidades como pesquisa por voz, digitada ou por clique, além de recursos como a “Palavra do Dia” e “Conjugador de verbos”, verificação de pronúncia e destaque das regras do Novo Acordo Ortográfico. 

No navegador Chrome, o usuário ainda tem o recurso "Aureliar!", plugin que permite que o usuário selecione uma palavra em uma página da web e abra, com um clique, a definição que o Aurélio tem para esse termo. O Mini Aurélio está disponível para versão mobile, Android e iOS; e o Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa em versões mobile ou em um pacote de produtos de todas as plataformas (app smartphone e tablet iOS e Android; app de desktop PC Windows, Mac e Linux; versão web e plugin compatíveis com o navegador Chrome). Os aplicativos Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa e o Mini Aurélio estão à venda na Play Store, Apple Store e e-commerce da Editora Positivo.

Avaliação imobiliária on-line
Um jeito novo de avaliar imóveis é o que promete o Avalion – sistema on-line de avaliação imobiliária. Criado pelo empresário curitibano Paulo Roberto de Oliveira, o Avalion foi lançado no mês de agosto durante no Digital Real Estate Brazil, que faz parte do principal evento de negócios digitais do país, o Expo Fórum Digitalks 2019, em São Paulo. 

O sistema foi desenvolvido para auxiliar o profissional na avaliação de imóveis, permitindo mais agilidade em seus processos e entregando relatórios personalizados. A ferramenta também gera opinião de mercado, análises mercadológicas e laudos de avaliação de forma profissional, com conteúdo e estrutura personalizados. O sistema está disponível no site www.avalion.com.br e pode ser utilizado pelos profissionais durante os mês de setembro gratuitamente.

Pró-Renal atendeu 150 mil pessoas
O médico Miguel Carlos Riella criou a Fundação Pró-Renal em 1984, em Curitiba, para oferecer cuidado multiprofissional e atendimento humanizado aos pacientes renais. Aos 35 anos, a Pró-Renal alcança a marca de 150 mil atendimentos com assistência integral aos pacientes em tratamento conservador, em diálise e pré-transplante. Em parceria com o Instituto Pró-Renal, também investe em pesquisas clínicas e promove estudos internacionais multicêntricos, com o objetivo de promover avanços científicos para o tratamento da doença. Atualmente, existem 10 pesquisas em andamento. Se quiser conhecer mais, veja o site www.pro-renal.org.br.


AGENDA BUSINESS
Personalidades ADVB/PR

Os destaques em marketing e vendas do Paraná serão homenageados no dia 29 de outubro, às 19h30, no auditório da FAE Business School, pela ADVB/PR. O Prêmio Personalidades ADVB é conferido anualmente como reconhecimento aos grandes nomes locais. Participam da escolha gerentes, superintendentes, vice-presidentes, CCO, CMO ou diretores de vendas e marketing com atuação no Paraná. As indicações serão feitas pelos profissionais do mercado e parceiros da ADVB, por meio do hotsite até o dia 13 de setembro. Logo após, uma comissão formada pela Associação fará a seleção dos indicados por sua importância no mercado, pelo número de indicações, bem como atuação e relevância dos profissionais nas áreas em que atuam.

Em conjunto com o prêmio Personalidades, a ADVB/PR também, como de praxe, irá homenagear uma entidade, escolhida por meio de indicação dos associados, ex-presidentes e patrocinadores, com o Prêmio Zilda Arns de responsabilidade social. Organizações sem fins lucrativos, como ONGs, Associações, Entidades, Fundações e OSCIPs podem ser indicadas para receber o prêmio, que leva o nome da fundadora da Pastoral da Criança e três vezes indicada ao Prêmio Nobel da Paz. Mais informações e votação em personalidadesadvbpr.com.br.


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: