Klabin registra aumento de receita de 15% no semestre

No mesmo período, o prejuízo foi de R$ 830 milhões

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Klabin registra aumento de receita de 15% no semestre

Impulsionada pelo aumento no volume de vendas registrado em todas as linhas de negócio da companhia, aliada à valorização do dólar frente ao real no período, a receita líquida da Klabin (foto) no trimestre alcançou R$ 2,6 bilhões, o que representa um incremento de 16% em relação ao segundo trimestre de 2018. No acumulado até junho, o valor foi 15% maior, alcançando R$ 5 bilhões em vendas. No mesmo período, o prejuízo foi de R$ 830 milhões. 

O volume total de vendas da Klabin no segundo trimestre, sem incluir madeira, foi de 818 mil toneladas, aumento de 15% em relação ao mesmo período do ano passado. O resultado é reflexo do desempenho operacional das unidades da companhia. Como destaque, vale ressaltar o incremento de 26% no volume de vendas de celulose e de 19% em cartões, reflexo da consolidação operacional da Unidade Puma, em Ortigueira (PR), e da flexibilidade nos mercados de papéis e embalagens, que mesmo com a retomada mais lenta do mercado doméstico, foi compensada pelo aumento das vendas ao exterior, principalmente de papelcartão. 

Durante o segundo trimestre de 2019, iniciaram-se também os desembolsos referentes ao Projeto Puma II, que somaram R$ 288 milhões. Aprovado no dia 16 de abril deste ano, com investimento total previsto de R$ 9,1 bilhões, o novo ciclo de expansão compreende a construção de duas máquinas de papel para embalagens (kraftliner), com produção de celulose integrada, que serão instaladas na unidade industrial da companhia no município de Ortigueira, no mesmo site onde está localizada a Unidade Puma, fábrica de celulose inaugurada em 2016. 


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: