Bradesco negocia ativos do HSBC no Brasil com exclusividade

O Santander teria perdido a disputa

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Bradesco negocia ativos do HSBC no Brasil com exclusividade

O Bradesco passou para a fase final da disputa pelo HSBC Brasil e negocia o ativo com exclusividade, de acordo com fontes ouvidas pela Agência Estado. O banco teria feito uma oferta de R$ 12 bilhões por toda a operação no país, valor acima do patrimônio líquido do conglomerado que é a quinta maior empresa do sul, de acordo com o ranking 500 MAIORES DO SUL – GRANDES&LÍDERES publicado por AMANHÃ em parceria com a consultoria PwC.  

O anúncio oficial da venda deve sair até a próxima semana. O Goldman Sachs, que assessora a negociação, estipulou agosto como data final. Neste momento, executivos dos bancos negociam os detalhes da aquisição e a expectativa, conforme fontes, é de que o anúncio ocorra antes da divulgação de resultados do HSBC em Londres, previsto para o dia 3 de agosto.

O Bradesco deve levar toda a operação do grupo no Brasil e não apenas o varejo. Ao avaliar a operação, chamou a atenção do banco a plataforma de atacado do HSBC no país, em especial, a área de Corporate Sales, que responde pela área de derivativos e câmbio. O Santander teria ficado de fora da disputa por ter feito uma oferta apenas pelo segmento de varejo, uma vez que já possui a estrutura de Corporate Sales.



leia também

Aquisição do HSBC pelo Bradesco: o que muda? - Jurista Tatiana Ribeiro explica cuidados que os clientes devem ter

Guapo Capital Group adquire OPP Brasil - Empresa com sede no Sul quer se consolidar como operadora de M&A

HSBC deve anunciar venda em breve - Quinta maior empresa do Sul negocia venda com o Bradesco

HSBC: a marca vai, a estrutura fica - Agências e área de TI permanecem em Curitiba após venda ao Bradesco

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: