Funcionários são os que mais inovam nas empresas

Colaboradores são fontes de ideias para 21,7% das organizações

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Funcionários são os que mais inovam nas empresas, afirma pesquisa da Ace divulgada pela Gazeta do Povo

Se você imagina que a inovação é apenas restrita ao departamento de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D). Segundo o estudo Ace Innovation Survey Report 2019, ao que o jornal Gazeta do Povo teve acesso, os trabalhadores são fontes de inovação para 21,7% das empresas, seguidos pelos clientes, com 20,8%.

"Apesar de participarem ativamente da criação de projetos, 27% dos profissionais entrevistados afirmam que a inovação parece não ter importância na empresa onde trabalham e se sentem desestimulados. Os CEOs, por sua vez, têm uma percepção diferente: 42% deles se dizem satisfeitos com as iniciativas de inovação da companhia", detalha a reportagem de autoria de Patrícia Basilio. “Os funcionários não têm o apoio necessário dos gestores e não estão satisfeitos com a inovação adotada pela empresa. Criticam a falta de dinheiro, a burocracia e têm medo de ficar desempregados por sugerirem inovações intangíveis”, avalia Sulivan Santiago, diretor de tecnologia da informação da ACE, ao jornal. 

A reportagem cita como um bom exemplo o caso da paranaense Pormade Portas. Na companhia, reuniões diárias fazem parte da rotina dos 650 funcionários da paranaense Pormade Portas. Eles sugerem projetos que possam trazer resultados positivos tanto para os clientes quanto para o próprio ambiente de trabalho. “Prova disso é que a varejista — que antes operava apenas para o público B2B — passou a comercializar seus produtos para o público final, após o lançamento de uma loja virtual sugerida por um de seus profissionais”, informa a Gazeta do Povo. “Controlamos o resultado do projeto por três meses e, a partir de então, pagamos ao funcionário um bônus no vale alimentação do funcionário de 20% a 50% do resultado alcançado. O profissional também pode escolher dividir o prêmio com a equipe”, explica Claudio Zini, diretor-presidente da fabricante de portas e acessórios.


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: