Os domínios de internet mais caros da história

Porn.com foi vendido por US$ 8,8 milhões

Por Infomoney

Os domínios de internet mais caros da história

Todo ano ao menos um domínio de internet é vendido por alguns milhares de dólares, algo que deve se intensificar no futuro com a entrada de operação de novas terminações. Na verdade, há quem até invista nisso ao cadastrar dezenas de domínios e vendendo-os depois, tentando descobrir nomes que serão usados nos próximos ano. Até mesmo Eduardo Cunha, presidente da Câmara, é dono de 288 domínios e paga R$ 8 mil anuais com isso.

 

Usando dados do site Domain Journal, é possível gerar uma lista dos domínios mais caros do mundo nos últimos 12 anos. É importante notar que essa relação exclui alguns que foram vendidos em pacotes com outros diversos domínios ou até mesmo comprados juntamente com o site para qual direcionava.

 

Algumas histórias são bastante divertidas. O Porno.com, o quarto da lista, foi comprado por US$ 42 mil em 1997 por Rick Schwartz, um conhecido "investidor de domínios", de um garoto que havia pago US$ 5 mil uma semana antes. Schwartz fez mais de US$ 10 milhões nos 18 anos que manteve o domínio através de acordos de redirecionamentos, antes de finalmente vender o domínio por US$ 8,8 milhões neste ano. Confira, a seguir, os domínios mais caros comercializados até hoje.

 

Site

Preço

Ano

 

(em US$ milhões)

 

Sex.com

13

2010

Fund.com

9,9

2008

Porn.com

9,5

2007

Porn.com

8,8

2015

Diamond.com

7,5

2006

Z.com

6,7

2014

Slots.com

5,5

2010

Toys.com

5,1

2009

Clothes.com

4,9

2008

Medicare.com

4,8

2014

IG.com

4,7

2013

MI.com

3,6

2014

Whisky.com

3,1

2014

Vodka.com

3,0

2006

Candy.com

3,0

2009

CreditCards.com

2,7

2004

Social.com

2,6

2011

Investing.com

2,4

2012

Youxi.com

2,4

2014

 



leia também

A Apple aumentará sua fatia do bolo - Novos produtos podem mudar a expansão da empresa em novas áreas

A segurança na ponta dos dedos - Impressão digital fará com que pessoas deixem de carregar documentos

Anac autoriza uso de celulares durante voos da Gol - Aparelhos deverão funcionar no modo avião

Angelus inaugura planta de R$ 10,4 milhões - Empresa de Londrina espera crescer 20% ao ano

Aparelho quer transformar televisão em tablet gigante - O Touchjet Wave detecta toques na tela

Apple deve virar operadora de celular – e com uma diferença - O Sim fará usuário ter o melhor serviço

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: