Humberto De Biase assume operações da Ecoville

Ele acumula passagens por Lenovo, LG, Nielsen e Bayer

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Humberto De Biase assume operações da Ecoville

A catarinense Ecoville nomeou Humberto De Biase (foto) como seu novo diretor de operações (COO). Com mais de 20 anos de experiência na área de gestão e atuação em diferentes países, ele tem uma carreira reconhecida no mercado. Foi vice-presidente e diretor executivo de marketing da Lenovo, diretor de marketing da LG e diretor regional da América Latina da Nielsen. Biase também já passou pelas empresas Bayer e Unilever HPC.

O executivo já era membro do Conselho de Administração e assessor da franquia há dois anos. Durante seu trabalho na empresa, Biase fez todo o planejamento estratégico integrado da marca, além das estratégias comerciais. Biase assumiu o cargo de diretor de operações no final de 2018. Atualmente, ele responde por toda a área operacional da companhia de Joinville como: marketing, vendas, área de expansão, novas franquias, financeiro, contábil, administrativo, lojas próprias e recursos humanos. O executivo também é mentor Endeavor, onde acompanha inúmeros negócios de impacto no Brasil, o que faz com que conheça de perto as dores de uma empresa de alto crescimento. Biase é administrador de empresas pela Fundação Armando Alvares Penteado (Faap) e Universidade de São Paulo (USP). 

A Ecoville fabrica e comercializa produtos de limpeza para a casa, carros e empresas, como alvejante, detergente, amaciantes e limpa-vidros. Foi fundada em 2007 pelos irmãos Leandro e Leonardo Castelo, engenheiros de formação que, ao lado do pai, José Edmar Castelo, levaram o modelo de venda direta de empresas como Avon, Mary Kay e Natura para o segmento de produtos de limpeza. Em 2016, a Ecoville ingressou no segmento de franchising, com o oferecimento de dois formatos de negócio: loja e unidade móvel. A marca gera mais de mil empregos diretos, com a rede de lojas e o parque fabril localizado em Joinville.


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: