A dose certa de otimismo em sua equipe

Os otimistas não podem ser confundidos com os acomodados

Por Bernt Entschev

Os otimistas não podem ser confundidos com os acomodados

Os brasileiros estão ansiosos por um 2019 promissor. Após anos de notícias negativas, há muita expectativa. E o otimismo traz a capacidade do individuo em captar reações positivas e repelir as negativas.

Os otimistas não podem ser confundidos com os acomodados. Eles fazem uma leitura real da vida, do momento e das circunstâncias. No mundo corporativo, contar com pessoas otimistas na equipe é um ponto positivo porque conseguem as pessoas a seu redor e costumam ser mais produtivas e assertivas em suas atividades.

Além disso, é possível incentivar as pessoas a buscarem otimismo em suas rotinas de trabalho. Contudo, é preciso ter cuidado para não ser óbvio. As organizações precisam criar um programa, dar subsídios e exemplos e ao mesmo tempo tratar o tema de maneira madura e profissional.


leia também

A flexibilidade no trabalho veio para ficar? - É preciso calma e maturidade ao analisar essa tendência

A necessidade de controlar a internet nas empresas - O mau uso pode causar até mesmo demissão por justa causa

As empresas precisam valorizar a ética - A falta de um documento que liste regras pode trazer problemas para a gestão

As empresas procuram otimistas - Eles sempre esperam uma solução favorável, mesmo em uma situação difícil

As empresas também precisam de você em janeiro - O início de ano é um momento propício para começar a sua carreira

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: