S&P altera perspectiva de ratings de Santa Catarina de estável para negativa

Decisão reflete visão de que pressões orçamentárias deixaram o Estado em situação financeira mais vulnerável

Da Redação

redacao@amanha.com.br

S&P altera perspectiva de ratings de Santa Catarina para negativa

A S&P (foto) alterou nesta sexta-feira (21) a perspectiva dos ratings de crédito de emissor de longo prazo ‘BB-’ em moeda estrangeira e local de Santa Catarina de estável para negativa. Além disso, modificou a perspectiva do rating ‘brAA+’ na Escala Nacional Brasil do estado de estável para negativa. 

“A perspectiva negativa reflete nossa visão de que o aumento dos gastos, sobretudo não discricionários, impactou as finanças de Santa Catarina este ano comparado às nossas expectativas. Isso enfraqueceu os saldos fiscais do Estado, antes e depois dos investimentos de capital (capex), e sua posição de liquidez”, explica a agência de rating. 

“Embora nosso cenário-base considere que a nova administração implementará medidas para cortar ou moderar os gastos, vemos certos riscos em termos de pontualidade e eficácia na implementação de tais medidas. A perspectiva também reflete o potencial risco de pagamentos mais altos do serviço da dívida em razão do provável descumprimento do teto de gastos estabelecido no acordo de renegociação de dívida assinado pela União e pelo Estado de Santa Catarina em 2016. Ao mesmo tempo, acreditamos que o estado continuará comprometido com suas obrigações de dívida”, revela a S&P. 


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: