Da casa ao pátio, construindo soluções

Balaroti se tornou referência no Paraná e em Santa Catarina

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Unidade da Balaroti em Florianópolis

O case a seguir faz parte do livro “Paraná – Grandes Marcas”, publicado pelo Instituto AMANHÃ.

Foi com peças de madeira e serras que Helio Ballarotti, Eduardo Balarotti e Rosenval Zaccar começaram a história da maior rede de materiais de construção do sul do país. Porém, antes dos pisos, ferragens e materiais elétricos chegarem nos estandes da loja, a trajetória do Balaroti já vinha sendo edificada na pequena Santa Tereza, cidade vizinha a Cascavel.

Em 1966, o trio investiu suas economias e seus esforços na criação de uma madeireira. As vendas deram tão certo que o Balaroti logo passou a ter relações comerciais com empresas cariocas e paulistas. Assim, ainda nos 1970, sob a administração dos filhos Dalcio Balaroti e Elcio Ballarotte, já contava com 19 funcionários. Com o sucesso, em 1975, surgiu a necessidade de a empresa ter um depósito de madeiras na Vila Hauer, em Curitiba. No calendário do Balaroti, 18 de julho daquele ano marcou o início do crescimento da empresa e do reconhecimento da marca.

Com os clientes pedindo outros materiais ou ferramentas, os proprietários sentiram que aquela era a hora de incorporar um serviço diferenciado. Sempre de olho nas tendências e ouvindo atentamente as opiniões dos consumidores e colaboradores, foi assim que a modesta madeireira virou uma referência na região. Sobre o processo de expansão, Helio Ballarotti Jr. fala sem segredos: “O pilar do nosso negócio são as pessoas. Oferecer o que o cliente quer, cuidar do público interno e ter bom relacionamento com os parceiros. Depois disso, fomos ampliando o mix da empresa, colocando mais produtos, padronizando a loja”. A estratégia, desde o início, também envolvia um foco especial nas pesquisas com clientes e a abertura de novas lojas, cada vez mais próximas do dia a dia do seu público. 

Transformando a casa em lar
Um ano depois da abertura, a primeira filial Balaroti abria as portas em Pinhais. De tijolo em tijolo, a empresa familiar se tornou uma rede de lojas presente nos estados do Paraná e Santa Catarina. Ao todo, 21 lojas atendem às mais diferentes demandas da clientela, além do exclusivo Compre Fácil, que compreende e-commerce e central de televendas, e um novo Centro Logístico Administrativo com uma estrutura de 30 mil metros de área construída para dar suporte ao desenvolvimento e expansão do Grupo. São 1,5 mil colaboradores, diretos e indiretos, que atuam para fazer valer o slogan do Balaroti: “A sua casa em 1º lugar”.

No catálogo, 30 mil itens de grandes marcas são ofertados para quem quer construir, reformar ou decorar. A madeira deu lugar às cerâmicas, acabamentos e tintas, que hoje representam cerca de 50% das vendas da rede. Precisando de uma grande variedade de produtos de qualidade, atendimento personalizado e com rápida entrega, os paranaenses e catarinenses sabem que é no Balaroti que vão encontrar. 

Para tornar a experiência ainda mais singular, as lojas contam com estacionamentos seguros, cafeterias aconchegantes, carrinhos adaptados e bebedouros para pets. Aos sábados, é dia de curtir uma pipoca e também aproveitar o Bala Baby, um espaço planejado para as crianças se divertirem enquanto os adultos aproveitam as compras sem preocupação. Dentre as facilidades, também há o Espaço Luz, com especialistas orientando a aquisição de produtos de iluminação, e o Balaroti Design, com produtos exclusivos, contando com atendimento realizado por arquitetos e designers.

Ainda que tenha se tornado uma gigante no mercado, a marca segue com seu princípio fundador: a empresa-família que baseou o Jeito Balaroti de Ser. Faz parte do Jeito Balaroti o cuidado com a comunidade local. Pensando nisso, a empresa destina parte dos lucros para apoiar projetos sociais e entidades beneficentes. O envolvimento não é só institucional: cada unidade de negócio é incentivada a desenvolver um projeto mensal, sendo que o melhor é eleito para ser implementado. “Nossa ideia é contribuir com projetos que tenham envolvimento das equipes, sempre pensando nas pessoas que moram no entorno das nossas lojas”, reitera o diretor-presidente.

Da família Ballarotti para a sua família
A empresa hoje incorpora no seu DNA uma gestão profissional. Da história de cinco décadas, permanecem a ética e a responsabilidade que nortearam o Balaroti desde o seu princípio. “Nosso lado familiar é dado pela união do negócio e com o profissionalismo. A empresa é como a família. Não somos divididos por área, somos organizados de modo integrado, onde todas as áreas se complementam É isso que o público associa à marca do Balaroti”, define Helio Ballarotti Jr. 

 Para integrar a equipe, além da formação e da qualificação, os colaboradores passam por uma imersão na rotina de trabalho. Há também um programa de formação de novos gestores, denominado Futuros Líderes. Os funcionários passam por uma imersão dentro da rotina de trabalho e, ao conhecerem a trajetória da organização e terem contato próximo com a diretoria, aprimorando as técnicas de atendimento, integram-se e começam a partilhar dos valores fundamentais que delineiam o Jeito Balaroti de Ser.

A preocupação em oferecer oportunidades de crescimento a seus colaboradores motivou a criação da Universidade Balaroti. Dentro dessa ideia, busca-se oportunizar a evolução pessoal e profissional de todos que trabalham para alcançar o sucesso da empresa. Essas práticas também são definidas a partir de ferramentas de pesquisas e avaliações, além de uma política de remuneração, divisão de lucros e pacotes de benefícios para os funcionários e seus dependentes.

E o resultado dessas ações pode ser percebido através das inúmeras distinções recebidas pelo Balaroti. Por nove anos consecutivos, a organização foi eleita uma das 150 Melhores Empresas para Você Trabalhar, numa pesquisa realizada pelo Guia Você S/A Exame. Unida pelo mesmo ideal, a equipe identifica no Balaroti um lugar aberto à diversidade, onde é possível se desenvolver tendo seu trabalho reconhecido e motivado. 

O reflexo dessas políticas de gestão chega até os clientes. Por cinco edições presente entre as 500 Maiores do Sul – levantamento realizado pela Revista AMANHÃ e PwC –, também foi agraciada pelo Prêmio IMPAR, do Instituto Ibope, como uma das marcas regionais de maior preferência e afinidade com o consumidor. A marca referência em construção e decoração também está na cabeça da clientela. Por treze vezes, o Balaroti foi a marca mais lembrada no segmento Loja de Materiais de Construção no Top of Mind Paraná. Além disso, figura como a maior rede de materiais de construção no Paraná e como a nona maior do Brasil, conforme amostragem da revista Anamaco.

As premiações, mais do que motivo de orgulho, impulsionam a busca pela qualificação dos serviços prestados, a inovação nos processos de gestão e, claro, o constante foco no cliente. Dessa forma, o Balaroti atravessa gerações presente nas casas e nos corações dos consumidores das regiões onde está presente.


Deprecated (16384): Accessing `here` as a property will be removed in 4.0.0. Use request->getAttribute("here") instead. - /home/amanha/www/src/Template/Posts/view.ctp, line: 173 You can disable deprecation warnings by setting `Error.errorLevel` to `E_ALL & ~E_USER_DEPRECATED` in your config/app.php. [CORE/src/Core/functions.php, line 311]/posts/view/6806" data-widget-id="AR_1" data-ob-template="RevistaAmanha">

leia também

25 anos: do tubo de alumínio aos componentes - O aumento do portfólio da Arotubi ocorreu naturalmente

A jovem gigante DINAMIK Rental - Empresa do Grupo Cargo ganha mercado a cada ano

A marca que entende a mulher brasileira - Recco, de Maringá, nasceu como um pequeno ateliê

A Multiloja está presente em todos os lares paranaenses - Rede se tornou uma das maiores varejistas do estado

Alcast: um grupo, duas grandes marcas - A produção da Panelux ganhou forma no ano 2000

BBM Logística: na estrada do futuro - Empresa tem 4 mil veículos em operação em todo o país

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: