Luiz Pedrucci presidirá Renault na América Latina

Atual CEO da marca no Brasil, ele substitui Olivier Murguet

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Luiz Pedrucci presidirá Renault na América Latina

O Grupo Renault anuncia a nomeação de Luiz Fernando Pedrucci (foto) como presidente da Renault para a América Latina. Atual presidente da Renault do Brasil, ele substitui Olivier Murguet, que foi nomeado vice-presidente executivo da nova Divisão de Vendas & Regiões. Pedrucci se reportará a Murguet. Pedrucci assumirá a nova posição a partir de 1º de novembro. 

Pedrucci tem 54 anos e é formado em Engenharia Mecânica automobilística pela FEI (Faculdade de Engenharia Industrial), com MBA pela Fundação Getúlio Vargas. Ingressou na Renault em 1997, tendo ocupado diferentes funções na área comercial, sendo a última delas como Diretor Cliente, Qualidade e Serviço na área de Pós-Venda. Em 2012, passou a ser Diretor de Supply Chain da Região Américas. Em janeiro de 2016, assumiu o comando da Renault Colômbia (SOFASA) como presidente e diretor geral, levando a subsidiária colombiana a obter recordes históricos de vendas e participação de mercado, fazendo da Renault Colômbia (SOFASA) uma das 40 maiores empresas do país. Em julho de 2017, assumiu a presidência da Renault do Brasil e, juntamente com o time local, levou a marca a alcançar seu recorde de participação de mercado no país em 2017 e novamente em 2018.

Murguet formou-se na ESCP-EUROPE Business School. Ele ingressou na Renault em 1990, trabalhando para a Divisão de Controle da Renault em Portugal, e posteriormente ocupou diferentes cargos de gerência na Divisão de Vendas e Marketing na França. Em 1996, foi nomeado Diretor Comercial para o Brasil e, em 2001, Diretor Comercial para a França, o principal mercado do Grupo. Mais tarde, ele foi Diretor da Renault na Polônia, na Espanha e no México, em sequência. Em 2012, ele foi nomeado CEO da Renault do Brasil. Desde 1º de abril de 2015, Olivier Murguet é presidente da região Américas e membro do Comitê de Gerenciamento da Renault.

Na América Latina a Renault tem presença comercial em quatro países: Brasil, Argentina, Colômbia e México. Este sistema é complementado por importadores em quase todos os outros países da região. Quatro fábricas no Brasil, uma na Argentina, uma na Colômbia e uma no Chile formam o aparato industrial da região. Em 2017, a participação de mercado da Renault na região ficou em 6,7% com um volume total de 390 mil carros vendidos. A força de trabalho na região é de cerca de 12 mil funcionários. 


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: