Sancor Seguros foi acolhida pela Cidade Canção

Pujante agroindústria do Paraná atraiu companhia argentina

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Sancor foi atraída para o Paraná pela pujante agroindústria

O case a seguir faz parte do livro “Paraná – Grandes Marcas”, publicado pelo Instituto AMANHÃ.


Ainda que seja uma septuagenária na Argentina, seu país de origem, a Sancor Seguros praticamente vive sua infância no Brasil. A companhia foi atraída para o Paraná por causa da pujante agroindústria que move a maior parte da engrenagem econômica do estado. Inclusive, quando a multinacional realizou os primeiros estudos de viabilidade de fixação no mercado brasileiro, em 2008, considerava a intenção de que a sucursal brasileira da empresa tivesse aspectos semelhantes à matriz argentina, que é situada no interior do país – e não em um grande centro ou capital (Sancor é um acrônimo das palavras Santa Fé e Córdoba, províncias onde viviam os fundadores da seguradora). Porém, ainda que o Paraná tenha grande destaque no agronegócio nacional, o Brasil possui baixíssimo índice de emissão de seguros agrícolas – o principal core business da Sancor – em comparação com outros grandes produtores como os Estados Unidos e a Argentina. 

Pesou a favor do Paraná o fato de sediar diversas cooperativas com escala mundial, como a Coamo, por exemplo, a maior do gênero na América Latina. A matriz produtiva e o clima, ambos parecidos com os encontrados na Argentina, também favoreceu o estado. Maringá, em especial, teve preferência por ser uma cidade em pleno crescimento e com economia diversificada – características que abririam oportunidades para a Sancor se desenvolver. A Cidade Canção, como é conhecida, contava com mais um trunfo: era sede da matriz do Sicoob Unicoob, parceiro estratégico da companhia argentina no Brasil. Com isso, a seguradora iniciou as atividades oficialmente em 26 de abril de 2013.

Pouco mais de um ano após o início das operações em território verde-amarelo, a Sancor Seguros inaugurou em Curitiba sua primeira filial, logo seguida da abertura da unidade em Londrina. Desse modo, a empresa já conseguiu fincar sua bandeira nos três maiores municípios paranaenses. Em 2015, a marca já obteve o feito de se estabelecer em toda a região Sul ao começar a oferecer seus serviços em Blumenau (SC) e Porto Alegre (RS). No mesmo ano, foi a vez de Cascavel, no Oeste do Paraná – região vocacionada para o plantio de soja –, receber um escritório da multinacional. Uberlândia, em Minas Gerais, teve a primazia de ser a primeira filial fora do Sul. Ao longo de todo esse período, também foram iniciados atendimentos comerciais em Ponta Grossa (PR), Chapecó (SC), Caxias do Sul (RS) e Passo Fundo (RS). Mas o plano de expansão não para, pois a Sancor também está desenvolvendo parcerias para ampliar suas operações nas regiões Centro-Oeste e Norte.

Tamanho foco na multiplicação da presença no Brasil tem razão de ser. A Sancor privilegia o contato próximo e constante com corretoras e corretores parceiros, pois desenvolve estratégias utilizando diversas ações de comunicação e incentivo. Ouvir e não apenas falar, inclusive, é um dos principais valores defendidos pela companhia, e a tecnologia, é claro, é uma forte aliada. A empresa oferece aos corretores um portal on-line que otimiza todos os processos de emissão de apólices, o que dá agilidade para os segurados. Na busca pela eficiência, a empresa desenvolve um projeto que leva adiante a mudança no “core” da emissão, cobrança e sinistros de seguros, atualmente no ramo de automóveis. Um dos objetivos é implantar o software Guidewire, plataforma que acompanha em tempo real a análise e a elaboração de processos e integrações necessários de gestão da companhia.

A Sancor também está colocando em prática um plano de Responsabilidade Social Empresarial (RSE), com o suporte de diversos setores da companhia. O RSE é baseado no diálogo com os grupos de interesse e no desenvolvimento de produtos e serviços sustentáveis, mas também em iniciativas vinculadas à prevenção, segurança e saúde. 

A companhia aderiu à rede brasileira do programa Pacto Global das Nações Unidas em janeiro de 2017. Desse modo, passou a apoiar os dez princípios do Pacto Global sobre direitos humanos, trabalho, meio ambiente e combate à corrupção. Entre as tarefas dos signatários está eliminar a discriminação no emprego, desenvolver iniciativas para promover maior responsabilidade ambiental e incentivar o desenvolvimento e difusão de tecnologias ambientalmente amigáveis, por exemplo. Esse é um dos motivos pelos quais, em todos os lugares onde está presente, a Sancor estabelece um compromisso com cada uma das comunidades, ao intervir em temáticas como segurança nas estradas, prevenção de riscos e desenvolvimento sustentável. 

O planejamento está alinhado com a missão da companhia, que é oferecer proteção pessoal e patrimonial aos segurados, por meio de uma equipe de trabalho altamente capacitada, criativa e com sentido de compromisso social. Desse modo, a Sancor quer consolidar seus serviços no mercado com alta qualidade e comprometimento, sendo a atenção personalizada e a inovação seus princípios fundamentais.

Apesar de ser uma grife ainda muito jovem no mercado brasileiro, a Sancor Seguros tem obtido ótimo desempenho em seu segmento, saltando diversas posições no ranking das maiores seguradoras do país. Em 2016, a companhia figurava no 42º lugar no indicador “prêmio emitido no Brasil”, e logo no ano seguinte já galgou mais uma posição, em um total de mais de 140 empresas de seguros. Já no Sul, principal área de atuação, a companhia é a 16ª maior seguradora, de acordo com o mesmo quesito. No período, a Sancor obteve um crescimento de 85% e no ramo de agronegócio alcançou a vice-liderança. Em 2017, a seguradora teve faturamento de R$ 275 milhões e planeja elevar esse número para R$ 750 milhões até 2020.

Agradecimento
Como forma de agradecer o acolhimento dos maringaenses que abraçaram a companhia, a Sancor investiu na realização do projeto de uma praça da cidade. O local se tornou um espaço verde, voltado para a comunidade, sendo mantido pela Sancor Seguros. A multinacional também apoia diversos projetos culturais, como o Sr. Tango e o Instituto Cultural Ingá. Além disso, a empresa presta seu auxílio para entidades assistenciais como a Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e Lar Escola de Maringá. Com forte ímpeto para o progresso, a empresa faz questão de ajudar instituições de fomento ao desenvolvimento tecnológico e econômico, caso da doação feita ao Armazém Digital de Maringá para aquisição de uma impressora 3D.


Deprecated (16384): Accessing `here` as a property will be removed in 4.0.0. Use request->getAttribute("here") instead. - /home/amanha/www/src/Template/Posts/view.ctp, line: 173 You can disable deprecation warnings by setting `Error.errorLevel` to `E_ALL & ~E_USER_DEPRECATED` in your config/app.php. [CORE/src/Core/functions.php, line 311]/posts/view/6465" data-widget-id="AR_1" data-ob-template="RevistaAmanha">

leia também

25 anos: do tubo de alumínio aos componentes - O aumento do portfólio da Arotubi ocorreu naturalmente

A jovem gigante DINAMIK Rental - Empresa do Grupo Cargo ganha mercado a cada ano

A marca que entende a mulher brasileira - Recco, de Maringá, nasceu como um pequeno ateliê

A Multiloja está presente em todos os lares paranaenses - Rede se tornou uma das maiores varejistas do estado

Alcast: um grupo, duas grandes marcas - A produção da Panelux ganhou forma no ano 2000

BBM Logística: na estrada do futuro - Empresa tem 4 mil veículos em operação em todo o país

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: