Evento lança Santa Catarina como destino cervejeiro do Brasil

A iniciativa reúne roteiros de experiência para conhecer a produção da tradicional bebida

Por Marcos Graciani

graciani@amanha.com.br

Evento lança Santa Catarina como destino cervejeiro do Brasil

Uma iniciativa turística com o DNA de Santa Catarina foi lançada na quinta-feira (18) durante a Oktoberfest, em Blumenau. O evento reuniu convidados e imprensa na Vila Germânica para apresentar o produto "Santa Catarina: destino cervejeiro do Brasil", que engloba roteiros de experiência para conhecer a produção da tradicional bebida, iniciada com a colonização alemã, com sua chegada ao estado, em 1829. 

Para conhecer essa tradição, entender como é feita cerveja, degustá-la dentro de uma fábrica artesanal, foram desenvolvidos roteiros de experiência cervejeira nas principais regiões turísticas do Estado. A ideia é aliar a cultura cervejeira à cultura local e aos principais atrativos de cada destino. No lançamento foram apresentados os seguintes roteiros, já formatados e comercializados por duas operadoras locais de turismo (Casa Verde e RDK Turismo):

1. Balneário Cervejeiro (reúne cervejarias de Itajaí, Balneário Camboriú, Bombinhas e Tijucas);
2. Caminho Cervejeiro Grande Floripa (cervejarias de Florianópolis, São José e Santo Amaro da Imperatriz);
3. Vale da Cerveja (cervejarias de Blumenau, Brusque, Pomerode, Timbó e Gaspar).

Outros dois roteiros estão sendo finalizados e devem chegar ao mercado até o fim do ano: Encantos do Sul (Garopaba, Tubarão e Lauro Müller) e Caminho dos Príncipes (Joinville, Jaraguá do Sul e Corupá). Todos eles podem ser integrados com outros atrativos das cidades, ampliando a permanência do turista nos destinos. O lançamento é fruto das ações do Grupo de Trabalho (GT) de Turismo Cervejeiro da Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), que reúne representantes do setor de todo o estado, e é coordenado pela Federação das Associações das Micro e Pequenas Empresas e dos Empreendedores Individuais de Santa Catarina (Fampesc), com apoio da Santur, órgão oficial de promoção do turismo de Santa Catarina e do Sebrae-SC.

De acordo com o presidente da Santur, Valdir Walendowsky, a identificação catarinense com a cerveja é incontestável e faz parte da nossa cultura desde a colonização. "Viajar por Santa Catarina já é uma experiência encantadora por conta da riqueza cultural e étnica. Nosso estado ganha competitividade ao se posicionar em mais este segmento turístico: destino cervejeiro do país", defende. Hoje, Santa Catarina conta com 103 cervejarias em todas as regiões do estado, sendo o segundo em densidade de cervejarias por habitante, de acordo com a Associação Brasileira de Cerveja Artesanal (Abracerva). Além disso, Blumenau ganhou em 2017 o título de capital nacional da Cerveja. O município do Vale Europeu ainda é sede da Escola Superior de Cerveja e Malte, a única da América Latina. O estado promove ainda dezenas de festivais em todas as regiões durante o ano, incluindo o Festival Brasileiro da Cerveja, maior do Brasil e segundo maior do mundo. "Por esses motivos, o lançamento de Santa Catarina como destino cervejeiro do Brasil não podia acontecer em período mais adequado do que durante a 35ª edição da maior festa da cultura germânica das Américas", afirma Alcides Andrade, presidente da Fampesc.

O estado tem grande potencial para atrair cada vez mais turistas amantes da bebida, na visão do gestor do projeto no Sebrae/SC, Alan Claumann. De acordo com uma análise feita pelo Sebrae, em parceria com a Fampesc e Abracerva,  mesmo com a crise econômica e as altas taxas de tributação, a expectativa é que o setor cresça 20% até o final deste ano em Santa Catarina. "Os números mostram que os empresários estão apostando nesse mercado e aliado ao fato de que o país é um dos maiores consumidores de cerveja do mundo, acreditamos que Santa Catarina tem grande potencial de se consolidar como um destino cervejeiro de destaque no país”, destaca Claumann.


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: