Meber Metais avança nos estados do Nordeste

Região deve responder por 10% das vendas anuais

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Meber Metais avança nos estados do Nordeste

Mirando no mercado dos estados do Nordeste, a Meber Metais (foto) estruturou um consistente plano de ação envolvendo diversas etapas: estudo de mix, oferta adequada de produtos para o perfil do cliente daquela região e, principalmente, estreitamento do relacionamento com os novos parceiros.  Essa estratégia fez com que a companhia crescesse 39% nas vendas de produtos para o Nordeste, no comparativo dos nove primeiros meses de 2018 com igual período do ano anterior. Com esse desempenho, a expectativa é que o mercado nordestino responda por aproximadamente 10% das vendas anuais da empresa. No ano passado, a companhia faturou R$ 66 milhões, valor que deve ser 7% maior em 2018. 

Inspirada pelo êxito da investida em novos mercados, a marca gaúcha sediada em Bento Gonçalves decidiu intensificar, também, os esforços de expansão para o estado vizinho: em Santa Catarina, o crescimento de vendas acumulado no ano está na casa dos 25%. Prova evidente de que há, sim, muito terreno para ser conquistado pela área de vendas – que, recentemente, recebeu o aporte de mais de 20 novos profissionais. “A Meber vem, há bastante tempo, investindo em diferenciais de produtos e serviços, agregando às suas linhas design exclusivo e inovação. Como resultado desse processo, temos conquistado o reconhecimento do mercado, que se traduz na expansão dos negócios”, avalia Carlos Bertuol, diretor da empresa. 

A Meber tem, hoje, capacidade para fabricar até 200 mil peças por mês – expansão fruto dos investimentos na construção de uma nova sede, cujas operações iniciaram em 2013, permitindo à empresa dobrar o potencial produtivo no comparativo com as antigas instalações.


leia também

Meber Metais projeta crescimento nas vendas neste ano - A fabricante gaúcha de acabamentos trabalha com a previsão de aumento real de 20% no faturamento

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: