JTI vai produzir Camel e Winston no Sul

Fábrica em Santa Cruz do Sul teve aporte de R$ 80 milhões

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Catedral de São João Batista, um dos pontos turísticos de Santa Cruz do Sul

A Japan Tobacco International (JTI) inaugurará sua primeira fábrica de cigarros na América do Sul na próxima terça-feira (26). A unidade construída em Santa Cruz do Sul (foto), cidade que acolhe grandes indústrias brasileiras e onde a JTI está desde 2009, quando iniciou sua operação com tabaco em folha, recebeu o investimento de R$ 80 milhões. Com a planta do Sul, a JTI passará a ter todas as fases de sua cadeia de produção no Brasil: da semente de tabaco à distribuição de cigarros. 

Com equipamentos fabricados na Alemanha, excelência em máquinas de cigarro, e na Itália,  excelência em máquinas de embalar, a previsão é que até 2020 a  estrutura seja capaz de produzir mais de 4  bilhões de cigarros das marcas Camel e Winston ao ano. Segundo o diretor de Assuntos Corporativos e Comunicação da multinacional japonesa, Flávio Goulart, a decisão de investir no Brasil deve-se ao fato de a base técnica e operacional existente no País atuar com excelência. “O alto padrão de qualidade da matéria-prima brasileira, que a JTI utiliza nas principais marcas de cigarros que fabrica  no mundo todo, também foi levado em conta”, relata.

Antes de iniciar a operação, a empresa levou mais de 50 funcionários para treinamentos na Rússia, Romênia, Ucrânia, Polônia e Suíça com o objetivo de prepará-los para atuar conforme a cultura operacional. Além da equipe fixa no Rio Grande do Sul, há pessoas de outros países que fornecem informações e conhecimento técnico e estratégico, diferencial da companhia que está presente em 130 países e é representada por funcionários de 100 diferentes nacionalidades.


leia também

JTI investirá R$ 80 milhões em Santa Cruz do Sul - Fábrica de cigarros será inaugurada em março de 2018

JTI investirá R$ 90 milhões no RS e em SC neste ano - Governo gaúcho negocia futuros aportes com multinacional de fumo

Philip Morris expande operações na região Sul - Empresa inaugurou centro de serviços em Porto Alegre

Quem são os maiores produtores de tabaco no Brasil - Região Sul concentra 98% da cultura, revela Afubra

Restrição a financiamento preocupa fumicultores do Sul - Redução da dependência financeira da cultura terá de ser provada

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: