Eis os 50 municípios mais desenvolvidos do Sul

Vale Real (RS) encabeça o ranking da Firjan, seguido por Apucarana (PR)

Da Redação, com Agência Brasil

redacao@amanha.com.br

Vale Real (RS) é o município mais desenvolvido da região Sul, segundo ranking da Firjan

No Brasil, o desenvolvimento econômico e social dos municípios segue extremamente desigual entre as metades norte e sul do país. É o que mostra o resultado mais recente do Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM), divulgado nesta quinta-feira (28). Organizado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro, com base em dados de 2016, o IFDM 2018 monitora os indicadores sociais em 5.471 municípios, onde vivem 99,5% da população brasileira. Para compor o índice, que voltou a subir após três anos de queda, são usadas estatísticas oficiais sobre saúde e educação básicas, como número de matrículas escolares e mortalidade infantil, além das taxas de emprego e renda. 

No ranking dos 500 municípios mais desenvolvidos, segundo o IFDM, estão principalmente as cidades das regiões Sudeste (50%) e Sul (41%). Entre os 5.471 municípios monitorados pelo IFDM Brasil, Louveira, no interior de São Paulo, se manteve na liderança pelo segundo ano consecutivo, com 0,9006. A cidade, sede de multinacionais, entre elas a DHL, foi a única a registrar índice acima de 0,9. Já o último colocado, Ipixuna, no Amazonas, apresentou pontuação de apenas 0,3214, influenciada pela pior nota em Saúde, devido à falta de atendimento básico de qualidade. A região Centro-Oeste ocupa 7% dessa lista, enquanto Nordeste ocupou apenas oito posições entre os 500 maiores IFDMs do país (1,6%).  

Entre as melhores cidades do Sul, Vale Real (foto), localizada na Serra Gaúcha, encabeça a lista (veja a relação das 50 primeiras a seguir), seguida por Apucarana (PR), Lajeado (RS), Toledo (PR) e Concórdia (SC). No ranking da Firjan, figuram 17 municípios paranaenses, nove catarinenses e 24 gaúchos. Entre as capitais, somente Florianópolis está no ranking exclusivo feito por AMANHÃ, com base nos resultados da Firjan. A capital catarinense é a 14ª do Sul, mas também a 47ª da listagem nacional. Curitiba fica na 74ª posição enquanto Porto Alegre amarga um 659º lugar.  

Sul  Brasil  Cidade  UF IFDM
Vale Real RS 0,8807
Apucarana PR 0,8806
Lajeado RS 0,8789
Toledo PR 0,8786
Concórdia SC 0,8781
18º Paranavaí PR 0,8739
19º Pato Branco PR 0,8737
25º Chapecó SC 0,8684
29º Maringá PR 0,8646
10º 30º Rio do Sul SC 0,8636
11º 36º Campo Bom RS 0,8622
12º 40º Joaçaba SC 0,8608
13º 45º Mato Leitão RS 0,8587
14º 47º Florianópolis SC 0,8584
15º 49º Balneário Camboriú SC 0,8575
16º 51º Jandaia do Sul PR 0,8568
17º 54º Muçum RS 0,8559
18º 55º Campo Mourão PR 0,8555
19º 57º Serafina Corrêa RS 0,8551
20º 58º Bento Gonçalves RS 0,8548
21º 59º Carlos Barbosa RS 0,8544
22º 60º Gramado RS 0,8542
23º 61º Medianeira PR 0,8541
24º 65º Picada Café RS 0,8533
25º 68º Guaporé RS 0,8527
26º 69º Santa Rosa RS 0,8520
27º 74º Curitiba PR 0,8514
28º 78º Santa Cruz do Sul RS 0,8502
29º 84º Francisco Beltrão PR 0,8486
30º 85º Londrina PR 0,8483
31º 86º São Lourenço do Oeste SC 0,8482
32º 87º Veranópolis RS 0,8481
33º 88º Marechal Cândido Rondon PR 0,8480
34º 95º Ijuí RS 0,8466
35º 97º Farroupilha RS 0,8465
36º 98º Frederico Westphalen RS 0,8463
37º 100º Ivoti RS 0,8459
38º 101º Casca RS 0,8458
39º 106º Itapejara d'Oeste PR 0,8447
40º 107º Realeza PR 0,8446
41º 109º Cascavel PR 0,8442
42º 110º Teutônia RS 0,8442
43º 112º Arroio do Meio RS 0,8439
44º 117º Roca Sales RS 0,8428
45º 118º Rolândia PR 0,8427
46º 120º Ibirubá RS 0,8420
47º 121º Nova Esperança do Sul RS 0,8419
48º 127º Tubarão SC 0,8399
49º 129º Rio Negro PR 0,8387
50º 131º São Bento do Sul SC 0,8385

leia também

comentarios




Victor

Os cariocas da FIRJAN têm uma maneira bastante curiosa de medir desenvolvimento. A quase total ausência de cidades importantes e muito desenvolvidas do Norte Catarinense e Vale do Itajaí faz refletir sobre a confiabilidade do índice.

Comentar

Adicione um comentário: