André Gerdau vê "queda grande" de demanda

CEO da maior empresa do sul também diz que preço de minério é inviável

Por Infomoney

André Gerdau vê "queda grande" de demanda

As exportações do minério de ferro não são viáveis com os preços atuais, declarou André Gerdau Johannpeter (foto), CEO da Gerdau (GGBR4), em entrevista à Bloomberg antes do Gerdau Day, que ocorre nesta sexta-feira (12) em Nova Iorque para investidores da empresa. Para ele, os preços do minério de ferro precisam ir para faixa entre US$ 85 e US$ 90 a tonelada para viabilizar as exportações. Gerdau vê "quedas grandes" no consumo na maioria dos segmentos, reforçando que o Brasil passa por ambiente desafiador. "As medidas de austeridade são necessárias", comentou Gerdau.

Leia aqui matéria publicada pelo Portal AMANHÃ com as previsões para os papéis da Gerdau

A exemplo do que ocorreu com a Usiminas (USIM5), Gerdau afirmou que não planeja fechamento de altos fornos. Ele disse que a empresa tem compensado parte de queda de demanda no país com exportações. A Gerdau é a maior empresa da região segundo o ranking GRANDES&LÍDERES – 500 MAIORES DO SUL, publicado por AMANHÃ em parceria com a consultoria PwC.



leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: