BRF anuncia Pedro Parente como CEO global

Lorival Nogueira Luz Jr. comandará operações

Por Marcos Graciani

graciani@amanha.com.br

BRF anuncia Pedro Parente como CEO global

Em reunião realizada nesta quinta-feira (14), o Conselho de Administração da BRF indicou, por unanimidade, Pedro Parente (foto) como novo CEO global da companhia. Parente foi dispensado da quarentena pela Comissão de Ética Pública, em decisão publicada em nota. Parente pediu demissão da estatal  em 1º de junho e foi convidado para a presidência da BRF. Cabe à Comissão de Ética Pública (CEP) da Presidência da República definir se ex-agentes públicos devem passar por uma quarentena antes de assumir cargo na iniciativa privada e Parente pediu um parecer à CEP neste sentido. O novo CEO global da companhia catarinense foi informado que estava dispensado da quarentena porque a Petrobras e a BRF não atuam no mesmo ramo. A BRF é uma das maiores empresas de alimento do mundo, dona de marcas como Sadia, Perdigão e Qualy. A quarentena é aplicada para evitar que ex-agentes públicos levem para o mercado informações privilegiadas sobre o governo.

Como CEO Global, Parente priorizará o processo de planejamento estratégico e financeiro, cuidará diretamente da preparação de seu sucessor e liderará o processo de reorganização da companhia, em especial o preenchimento de posições-chaves e questões ligadas à sua governança. Dessa forma, o executivo acumulará as posições de chairman e CEO global por um período inicial de seis meses, de acordo com o estatuto social da BRF. “Nesse intervalo, o Conselho vai propor aos acionistas a extensão do mandato por até um ano, dentre outras mudanças no regimento da companhia visando sua adequação às novas regras previstas no regulamento do Novo Mercado da Bovespa”, informa a companhia catarinense em seu comunicado. 

O Conselho de Administração da BRF também aprovou a criação do cargo de diretor-presidente global de operações que será ocupado por Lorival Nogueira Luz Jr. Como COO global, Luz terá como responsabilidade a gestão operacional da empresa, reportando-se diretamente ao CEO Global. Essa mudança entra em vigor na data de início do mandato de Parente .Até a posse do novo CEO global, Lorival Nogueira Luz Jr. segue interinamente acumulando a função.


leia também

BRF: Pedro Parente não vê conflito ético - Ele foi indicado para presidir conselho de administração da companhia

CEO da catarinense BRF renuncia ao cargo - Diretor financeiro assume interinamente

Prejuízo da BRF no semestre foi de R$ 1,5 bilhão - Embargos internacionais pesaram no resultado

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: