Saúde também é um grande negócio

Funcionário saudável tende a ser mais produtivo

Por Bernt Entschev

Funcionário saudável tende a ser mais produtivo, alerta Bernt Entschev

Todos os meses de abril, uma forte campanha é realizada em diferentes países com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a importância de se ter a saúde em dia.  A Organização Mundial de Saúde (OMS) estipulou o dia 7 de abril para despertar a atenção a problemas contemporâneos que muitas vezes tiram a qualidade de vida da população. 

Porém, como anda a saúde dos funcionários de sua empresa? Parece óbvio, mas ainda existem corporações que não se deram conta de que um colaborador incentivado a levar uma vida saudável o faz mais produtivo. Se na família esse mesmo entendimento for aplicado, os funcionários terão menos afastamentos para cuidar de filhos que necessitam de apoio quando enfermos. 

É uma conta exata e de fácil cálculo, embora subjetiva. Além de ser humano, investir na saúde do colaborador é sinônimo de um grande negócio. Porém, é preciso saber conduzir esse processo. Geralmente os projetos deste porte surgem na área de RH. Antes de implantar algo, é preciso ter em mente três fases primordiais para que os resultados se façam satisfatórios. 

Em primeiro lugar, a empresa precisa dar estrutura para que o ambiente em que as pessoas trabalham seja saudável. Depois, é necessário oferecer planos de saúde para o colaborador e sua família. E, por fim, é preciso ter programas que mirem a prevenção, como aqueles que miram a qualidade de vida e que incentivam a prática de exercícios físicos, por exemplo.


leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: