Smart City Expo Curitiba debaterá inovação em cidades

Será a primeira edição brasileira do Smart City Expo World Congress, realizado anualmente em Barcelona

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Smart City Expo Curitiba debaterá inovação em cidades em fevereiro

O Congresso do Smart City Expo Curitiba, edição brasileira do maior evento de cidades inteligentes do mundo, terá a presença de grandes nomes internacionais do urbanismo, arquitetura e agentes públicos que promoveram transformações em cidades pelo planeta. O evento acontecerá nos dias 28 de fevereiro e 1º de março no Expo Renault localizado no Parque Barigui.

Um dos principais nomes é o do arquiteto e engenheiro Carlos Ratti, diretor do Senseable City Lab do MIT, nos Estados Unidos, grupo responsável por estudar as tecnologias capazes de transformar a vida nas cidades. Ratti foi eleito pela revista Wired como uma das 50 pessoas capazes de mudar o mundo e atualmente é o presidente do Conselho de Agenda Global do Fórum Econômico Mundial sobre Cidades Futuras. Ratti é responsável pelo conceito de “cidades sensíveis”, que oferece ênfase para o lado humano da cidade mesmo em meio à sua transformação tecnológica. 

O evento também receberá nomes de peso como Jorge Perez Jaramillo, ex-planejador-chefe entre 2012 e 2015 da cidade de Medellín, na Colômbia (referência em transformações urbanas), Tia Kansara, fundadora da Kansara Hackney, consultoria internacional que desenvolve soluções para problemas urbanos, Pedro Vidal, Gerente do Programa Santiago Smart City, Chile, Agustín Suárez, diretor geral de Gestão Digital da cidade de Buenos Aires, Argentina e Carolina Pozo, ex-secretária geral de Planejamento, Inovação e Governo aberto para a cidade de Quito, no Equador. 

O Congresso do Smart City Expo Curitiba 2018 reunirá 18 palestrantes internacionais e 36 palestrantes do Brasil. Os debates ficarão concentrados em quatro temas: Tecnologias Disruptivas, Governança, Inovação Digital e Cidades Sustentáveis do Futuro. As palestras abordarão temas relacionados à inovação em cidades, envolvimento governamental, participação da população em políticas públicas e serviços, economia sustentável, inclusão social, promoção de startups e desenvolvimento de ambientes urbanos sustentáveis, gestão inteligente de recursos, aplicabilidade de soluções tecnológicas e sustentáveis, entre outros. Também serão discutidos a utilização e a aplicação de tecnologias emergentes que podem transformar as cidades, como indústria 4.0, big data, internet das coisas, robótica, blockchain, inteligência artificial e realidade virtual. 

O Smart City Expo Curitiba será a primeira edição brasileira do Smart City Expo World Congress, realizado anualmente em Barcelona, o maior evento global sobre o tema de Cidades Inteligentes, que reúne mais de 18 mil pessoas de 120 países. Curitiba foi anunciada oficialmente como sede brasileira, em Barcelona, em novembro, durante o encontro mundial das Cidades Inteligentes, em cerimônia que contou com representantes de 700 municípios de todo o mundo e mais de 400 especialistas. 

O evento tem a chancela da FIRA Barcelona Internacional -– consórcio público formado pela Prefeitura de Barcelona, governo da Catalunha e Câmara de Comércio de Barcelona, e conta com organização do iCities, apoio estratégico do World Trade Center Business Club e participação da prefeitura de Curitiba.

Inscrições
As inscrições para o Smart City Expo Curitiba 2018 já podem ser feitas. A área da feira poderá ser visitada de maneira gratuita, mediante cadastro neste site. Já para a área de congresso, é necessário realizar a inscrição e comprar o passaporte para os dois dias. O valor do segundo lote de ingressos para o Congresso é de R$ 1.200,00 entre os dias 1º e 27 de fevereiro e de R$ 1.500,00 durante os dois dias do evento. Estudantes pagam meia entrada mediante comprovação. Clique aqui para fazer sua inscrição e também a programação completa


leia também

comentarios




Francis Sierra Hussein

Gostaria de saber se nesse Congresso "Smart city" entrará em discussão as cidades planejadas para idosos, uma ideia já bem difundida na Europa.

Comentar

Adicione um comentário: