Oeste do Paraná terá nova subestação de energia

Medianeira ganhará aporte de R$ 40 milhões da Copel

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Medianeira ganhará aporte de R$ 40 milhões da Copel

A Copel Geração e Transmissão começou a construir uma nova subestação de energia em Medianeira, no Oeste do Paraná. Com investimento total de R$ 40 milhões, o empreendimento vai ocupar um terreno de 27 mil metros quadrados, à margem da rodovia PR-495, na saída para Missal, e reforçar o sistema elétrico de toda a região. Já estão em andamento no local as atividades de demolição e limpeza da área, além da terraplanagem. Os principais equipamentos que compõem a subestação estão em estágio final de fabricação e devem ser instalados no segundo semestre de 2018. A entrada em operação está prevista para maio de 2019.

A nova subestação Medianeira Norte vai operar em 230 mil volts (kV) com dois transformadores – cada um com 150 megavolt-ampéres de potência. Será conectada às subestações Cascavel (230 kV), Foz Iguaçu Norte (230 kV) e Cascavel Oeste (525 kV). A nova subestação vai aliviar o sistema de transmissão de Medianeira, que conta atualmente com uma subestação de 138 kV e tem capacidade limitada frente ao aumento de consumo de energia, especialmente nos meses mais quentes do ano.

“Essa subestação integra um lote de obras de transmissão que devem absorver R$ 580 milhões em investimentos até 2019 e aumentar de forma significativa a capacidade e confiabilidade do sistema elétrico no Paraná”, explica Sérgio Luiz Lamy, diretor-presidente da Copel GeT. Ao todo, serão três novas linhas de transmissão que somam 230 km, além de 900 MVA (megavolt-ampère) de potência em três grandes subestações no Paraná – Medianeira Norte, Curitiba Centro, Andirá Leste – as duas últimas também em fase de instalação.


leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: