Standard & Poor´s corta rating de Santa Catarina

A nota foi alterada em função do recente rebaixamento do país

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Standard & Poor´s corta rating de Santa Catarina

A S&P Global Ratings rebaixou nesta sexta-feira (12) os ratings de longo prazo em moeda estrangeira e em moeda local na escala global atribuídos aos Estados de Santa Catarina e de São Paulo de ‘BB’ para ‘BB-’.  A perspectiva é estável  e, segundo a agência, é baseada na opinião de que esses governos não podem ser avaliados acima do rating soberano, pelo fato de operarem em um marco institucional avaliado como volátil e não equilibrado. A S&P informa que poderá rebaixar novamente os ratings de Santa Catarina e de São Paulo nos próximos 12 meses se cortar a nota do Brasil. 

“A recessão prolongada no Brasil nos últimos dois anos afetou as finanças dos Estados brasileiros. Além disso, em 2017, rebaixamos nossa avaliação do marco institucional dos Estados e municípios, em razão do crescente desequilíbrio entre suas receitas e despesas, bem como a falha do sistema em fornecer mecanismos para superar restrições legais ao acesso ao financiamento externo”, relata a S&P. “Apesar de esperarmos uma recuperação lenta e gradual nos próximos anos, consideramos que as pressões orçamentárias persistirão”, prevê a agência. 

O Rio Grande do Sul não possui rating atribuído pela agência. O estudo para obtenção de rating é encomendado às agências de risco pelos governos de Estados e municípios interessados em investimentos e financiamentos externos.  

leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: