Lyondellbasell faz contato para adquirir Braskem

Oferta valeria mais de US$ 10 bi, revela Wall Street Journal

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Lyondellbasell faz contato para adquirir Braskem. Oferta valeria mais de US$ 10 bi, revela Wall Street Journal

O grupo holandês Lyondellbasell teria feito uma aproximação para aquisição da Braskem, que tem unidade em Triunfo (RS). A informação foi veiculada nesta segunda-feira (30) no jornal Wall Street Journal. De acordo com a publicação, uma oferta poderia avaliar a companhia valendo bem mais que US$ 10 bilhões. 

O jornal publicou que as negociações estão em estágio inicial e que não há garantia de que um acordo será alcançado. A Braskem é controlada atualmente pela Odebrecht, que possui 50,1% das ações com direito a voto. A Petrobras possui 47% do capital votante da petroquímica.

A negociação entre a LyondellBasell e a Odebrecht sobre a venda da petroquímica já vem de algum tempo, segundo informa o jornal Valor Econômico na edição desta terça-feira (31). "Meses antes de Odebrecht e Petrobras anunciarem a decisão de rever o acordo de acionistas da petroquímica – que na prática concede mais poderes ao grupo privado do que à estatal – já havia um diálogo, ainda que não uma negociação efeita, a respeito de uma possível combinação entre as companhias", revela a reportagem. 

De acordo com o Wall Street Journal, representantes de LyondellBasell e Petrobras não puderam comentar o assunto imediatamente. Por meio de nota, a Odebrecht afirmou que segue trabalhando em alternativas que agreguem valor à Braskem e a todos os seus acionistas. A companhia também reafirmou a intenção de manter a Braskem como parte dos investimentos do grupo. A Braskem informou nesta terça, em resposta ao pedido de esclarecimento da bolsa de valores brasileira, que não recebeu nenhuma proposta do grupo holandês.


leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: