Uma aposta na força do interior catarinense

Berlanda conquistou o mercado através da capilaridade de sua rede

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Berlanda conquistou o mercado através da capilaridade de sua rede

O trecho a seguir faz parte do livro “Santa Catarina – Grandes Marcas”, publicado pelo Instituto AMANHÃ.


A Berlanda tem o empreendedorismo no seu DNA. Nilso José Berlanda apostou seus únicos bens em uma pequena loja, num momento em que o país atravessava dificuldades econômicas. Fundada em 1991, na cidade catarinense de Curitibanos, em um espaço de 80 m², com recursos provenientes da venda de um Chevette, de uma linha telefônica e de um lote urbano, a empresa conquistou o estado pelo seu interior. A aposta na força dos pequenos municípios surgiu do sonho do empresário visionário que tinha em mente facilitar a vida das pessoas, permitindo que levassem as últimas tecnologias de eletrodomésticos e eletrônicos para as suas casas, valendo-se de lojas próximas às suas residências. 

O sonho tornado realidade demonstra o espírito de self made man do ex-bancário que já havia trabalhado como office boy e carregador de malas. Nilso sempre cultivou o espírito empreendedor, adotando uma gestão com foco na criação, com postura de quem não acredita em recessões ou crises, mas em oportunidades para se pensar em soluções de crescimento e superação. Foi assim que a Berlanda superou os altos e baixos e as adversidades econômicas, consolidando-se como a principal rede de móveis, eletroeletrônicos e eletrodomésticos de Santa Catarina e uma das maiores do país.

Para manter seu diferencial histórico – o preço acessível –, a rede varejista aumentou sua área de atuação, buscando outras vertentes. Exemplo disso é a Móveis Curitibanos: fundada em 2011, já conta com cerca de 50 colaboradores, que produzem em torno de 5 mil roupeiros por mês, elaborados em MDP, material utilizado devido a sua resistência à umidade. Já a Catarina Estofados nasceu de uma parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Regional do Estado de Santa Catarina para a criação de uma fábrica na penitenciária de São Cristóvão do Sul, na qual 104 detentos trabalham na confecção mensal de 1,5 mil estofados. E para atender a um segmento mais popular de consumidores, surgiu a fabricante de colchões e espumas de alto padrão Berflex. A empresa conta com mais de 80 profissionais e produz em média 7 mil itens mensais. No fim de 2015, foi inaugurada a primeira loja exclusiva Berflex, em Bombinhas. Completam o grupo a Importadora Utiliza, o Posto de Combustível Berlanda e a agência All Publicidade.

O desafio de realizar sonhos
De origem familiar, a Berlanda resgata o apreço pelo relacionamento interpessoal para o contato próximo com o cliente. A família, composta por Nilso Berlanda, por sua esposa Leoni e pelos filhos Aline e Leonardo, está sempre presente nas rotinas empresariais e reitera o respeito ao consumidor, prezando pela qualidade do atendimento exclusivo e pelos preços acessíveis a seus produtos. Essa preocupação está clara na sua missão: “Tudo é feito pensando em estar cada vez mais perto do cliente e em facilitar sua vida”. Os diferenciais da rede varejista – como a logística eficiente, os vínculos entre colaboradores e compradores, as campanhas internas de incentivo e a distribuição domiciliar de tabloides promocionais – estão alocados nos valores da marca que primam pela ética, comprometimento, conhecimento do mercado e excelência no atendimento.

Para Nilso Berlanda, cinco vezes finalista do prêmio Personalidade de Vendas, da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing de Santa Catarina (ADVB/SC), os diferenciais perante as concorrentes são características estabelecidas desde os primórdios e que se mantêm até hoje. “Nossa missão é e sempre foi comercializar bens e serviços de forma eficiente, transformando desejos em realidade. Nossos nortes são o atendimento especial ao consumidor e a valorização dos colaboradores, fazendo com que eles se sintam também como donos da empresa, crescendo junto com ela”, explica o fundador. 


leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: