Neoway recebe aporte de quase R$ 150 milhões

O objetivo é expandir atividade da companhia catarinense no exterior

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Neoway capta quase R$ 150 milhões

A empresa de tecnologia Neoway (foto), de Florianópolis, realizou sua segunda captação de recursos. A operação foi de R$ 145,2 milhões, o equivalente a US$ 45 milhões. Os recursos vieram de uma articulação da QMS Capital, que incluiu a PointBreak, Pollux e Andrew Prozes. A Accel Partners, Monaschees e Eneavor Catalyst, que investiram na Neoway desde 2014, aumentaram seus investimentos na companhia. O objetivo é expandir atividade no exterior. Estados Unidos e América Latina estão entre as prioridades. A companhia, líder nacional no segmento de dados e informações sobre empresas e pessoas, foi fundada pelo empresário Jaime de Paula (foto). A empresa atua com Big Data, análises preditivas e inteligência artificial. 

“Com esta última rodada, planejamos manter o nosso alto crescimento de dois dígitos no Brasil anualmente nos próximos cinco anos, além da expansão internacional significativa. Investimos na criação de novos produtos em dois setores muito atraentes: Marketing Digital e Risco e Compliance. Estamos certos de que o melhor da Neoway ainda está por vir”, declarou o empresário ao jornal Diário Catarinense. 

Jaime de Paula é graduado em engenharia elétrica e doutor em engenharia de produção na área de mídia e conhecimentos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Na edição impressa de AMANHÃ, lançada na quinta-feira (22), o presidente da Neoway explica como as novidades em Big Data ocupam rapidamente espaço no mercado brasileiro. Entre retrospectiva, previsões e resultados já consolidados, o empresário também lembra seu trânsito da academia para a iniciativa privada, e aposta na união dos dois ambientes como fundamental para o crescimento do setor no Brasil. 


leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: