Mercado prevê queda de 1,2% do PIB neste ano

Inflação poderá atingir até 9%

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Mercado prevê queda de 1,2% do PIB neste ano

A expectativa dos analistas para a atividade econômica do país neste ano diminuiu pela quarta semana consecutiva. A estimativa para o Produto Interno Bruto (PIB) agora indica queda de 1,2%, ante recuo de 1,18% estimado na semana anterior, de acordo com o boletim Focus, do Banco Central, divulgado nesta segunda-feira (11). Para o ano que vem, a expectativa segue de um crescimento de apenas 1%. As previsões para a produção industrial continuam as mesmas, de queda de 2,5% neste ano e aumento de 1,5% em 2016.

Os analistas também reduziram suas projeções para a inflação no ano que vem. Para 2015, a estimativa da inflação aumentou e entre os analistas Top 5, grupo dos que mais acertam as projeções, a aposta atinge os 9% no ano. De acordo com o Focus, a estimativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2015 subiu de 8,26% para 8,29%. Os analistas, contudo, acreditam numa desaceleração nos próximos 12 meses, até abril de 2016, portanto, quando a taxa chegaria a 5,94%, de 5,96% estimado na semana anterior. O IPCA terminaria o próximo ano com alta de 5,51%, uma expectativa mais baixa que anterior, de 5,6%. É a primeira queda na mediana das estimativas para 2016 após cinco semanas de estabilidade.

Entre os analistas Top 5 ocorreu o mesmo. Eles elevaram a projeção para o IPCA em 2015, de 8,73% para 9,02%, mas reduziram a estimativa de 2015 de 6,4% para 6%. Em ambos os casos, houve aumento na expectativa para a taxa de juros, mas em diferentes momentos. Enquanto o mercado em geral espera que a Selic termine 2015 em 13,5%, estimativa inalterada ante a semana anterior, os Top 5 elevaram a projeção de 13,5% para 13,75%. Para 2016, ocorre o inverso, enquanto o mercado elevou a estimativa de 11,5% para 11,63%, os Top 5 mantiveram a aposta em 12%.



leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: