Justiça homologa venda da Busscar para a Caio

A empresa paulista pagará R$ 67 milhões pela concorrente

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Justiça homologa venda da Busscar para a Caio

O caso Busscar finalmente teve seu desfecho. A Justiça homologou na terça-feira (21) a compra da fabricante de carrocerias para ônibus de Joinville (SC) pela sua congênere Caio Induscar, de Botucatu (SP). A companhia paulista pagará pela Busscar (foto) R$ 67,1 milhões (R$ 9,4 milhões de entrada e o saldo de R$ 57,7 milhões em 52 parcelas). 

Os proprietários da Caio deverão assinar nesta quarta-feira (22) o contrato de arrematação, dando fim à novela que se arrasta há mais de três anos. Durante o processo de recuperação judicial e falência da Busscar chegaram a ocorrer quatro leilões para vender a massa falida da empresa, sem que se apesentassem interessados. Recuperada, agora sob a administração da Caio, a unidade de Joinville deverá montar ônibus rodoviários. Grande parte de ex-funcionários  da antiga Busscar deverão ser contratados. 


leia também

BNDES abre linha de crédito para empresas em recuperação - O programa terá orçamento de R$ 5 bilhões e validade até 2017

Desse jeito, a lei não será capaz de recuperar empresa alguma - Maciel Titto questiona tratamento diferenciado a fisco e bancos

Justiça decreta falência da Manlec - A companhia pretende recorrer da decisão

Número de recuperações judiciais é o maior em 10 anos - O setor de serviços foi o que mais apresentou pedidos

Para acabar com a gafieira das pseudo-recuperações judiciais - Seguir na lógica dos atuais processos de venda para privilegiar alguns credores em detrimento dos outros é injusto

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: