Benner inaugura Centro de TI em Blumenau

Grupo aportou R$ 10 milhões na ampliação

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Severino Benner, CEO da Benner

A Benner inaugurou na quinta-feira (22), em Blumenau, a ampliação de seu Centro de Desenvolvimento de TI.  A instalação terá 245 funcionários, porém tem capacidade atual para abrigar 500 colaboradores. Nos próximos meses existe a oportunidade de criação de mais 200 vagas. De acordo com a companhia, que tem raízes na cidade desde 1997, ano em que foi concebida, todo o quadro será preenchido por colaboradores paranaenses, gaúchos e catarinenses.  

“Nosso objetivo foi criar o mais moderno centro de pesquisas e desenvolvimento do Sul do Brasil, conectado com clientes e nossas demais unidades”, explica Severino Benner (foto), CEO da Benner. Hoje o Sul responde por 35% da receita do grupo. O faturamento previsto para 2016 é de R$ 233 milhões – valor 6% maior do que o valor do ano passado. Em 2016, o investimento total ficará em torno de R$ 45 milhões. Desse montante, R$ 10 milhões foram usados para a modernização do centro de TI. 

Blumenau, Joinville e Florianópolis lideram o polo de TI em Santa Catarina, com 1,4 mil empresas e mais de 14 mil empregos diretos. Blumenau é a pioneira na história de informática e caracteriza-se pela diversificação, sediando o maior número de companhias tecnológicas, distribuídas por vários segmentos.  


leia também

Benner apresenta nova unidade em Curitiba - Grupo catarinense deve gerar 100 novos empregos na cidade

Brasil ocupa o 9º lugar nos investimentos em TI - Região Sul responde por 13% do segmento no país

Cesar Leite: "Ninguém escapa da nuvem" - Presidente da Processor afirma que os céticos já migraram para o cloud

Como medir a produtividade de uma empresa - A mudança tecnológica afeta todos os fatores de produção igualmente?

Crise é aliada da Oi para ganhar corpo no segmento corporativo - Companhia quer crescer com soluções que ajudem empresas a reduzir custos

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: