Exportação de armas pela Taurus foi autorizada

Traficante teria desviado armas vendidas ao Djibuti para o Iêmen

Da Redação

redacao@amanha.com.br

O Ministério da Defesa informou que a Forjas Taurus exportou para o governo de Djibuti (foto), em 2014 e 2015, armamento leve. A informação da autorização consta nos registros do Exército. De acordo com nota do ministério, essas exportações possuem certificados de usuário final, “apresentados como requisito técnico nos processos de autorizações de exportações, impossibilitando legalmente a reexportação desses produtos para terceiros países".  Segundo informou a Reuters, a Taurus, maior fabricante de armas da América Latina, com sede no Sul,teria comercializado armamento para um traficante iemenita que enviou as armas ao seu país em guerra civil, em um ato de violação a sanções internacionais. O Iêmen está sob embargo internacional de armamentos.

A Taurus confirmou a existência de uma ação penal contra dois ex-funcionários por suposta venda irregular de armas para o Djibuti, cujo destino final seria o Iêmen. A ação do Ministério Público Federal, que corre sob sigilo, afirma que os ex-executivos teriam vendido armas de uso exclusivo de forças policiais para o traficante. De acordo com documentos judiciais, as armas foram supostamente enviadas pela Taurus para Djibuti e redirecionadas para o Iêmen pelo traficante. 

Em fato relevante, a Taurus afirmou que as exportações foram para o governo do Djibuti, e que não há e não havia qualquer restrição ao comércio com aquele país. "Após tomar conhecimento das suspeitas levantadas em torno do cidadão iemenita, a companhia, por medida de cautela, cancelou qualquer tipo de negociação com o Djibuti e determinou a retenção da mercadoria em trânsito", afirma a companhia. 


leia também

Famastil Ferramentas e Prat-K oficializam fusão - Incorporação deve reduzir o custo fixo em torno de 15%

O ajuste de mira da Taurus - Com munição extra a partir da entrada da CBC, a empresa prepara uma nova pistola e centra fogo na recuperação da imagem

Polícia de Bangladesh adquire armas da Taurus - O contrato inclui cursos de manutenção de armas longas táticas

Taurus afirma que venda de armas para o Djibouti foi legal - Companhia do Sul contesta relatório da ONU sobre venda a filho de traficante de armas do Iêmen

Taurus apresenta novas armas em feira nos EUA - As novidades serão lançadas ao longo de 2017 e incluem pistolas e fuzis

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: