Yara compra unidade de fertilizantes em Goiás

Aquisição da Adubos Sudoeste reforça presença no centro do país

Da Redação

redacao@amanha.com.br

A Yara International anunciou nesta quinta-feira (25) a aquisição da unidade de fertilizantes da Adubos Sudoeste, em Catalão (GO). Com capacidade para produção de 300 mil toneladas por ano, a fábrica deve atender principalmente produtores das culturas de soja, milho, feijão, tomate, batata, cebola e alho, do estado de Goiás. 

Em comunicado, o VP Sênior da Yara International e presidente da Yara Brasil, Lair Hanzen, afirmou que o Estado é fundamental para os planos da companhia no país, pois responde por grande parte da produção das principais culturas de exportação brasileiras. “Além disso, também mantemos nossos esforços para aumentar a produção de fertilizantes, com o intuito de reduzir a dependência brasileira de importação de matérias-primas”, complementou Hanzen. No início do ano, o executivo já havia sinalizado o interesse da empresa em reforçar os investimentos em áreas de produção já que o país importa cerca de 70% das matérias-primas que compõem o fertilizante (potássio, fósforo e nitrogênio), em matéria publicada no portal AMANHÃ (leia aqui). 

O negócio ainda espera aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e não teve seu valor divulgado. Mas o aporte se soma a uma série de investimentos feitos pela companhia norueguesa no Brasil. Além da aquisição da Bunge Fertilizantes (2013) e da joint venture com a Galvani (2014), a Yara trabalha na construção da primeira fábrica de fertilizantes foliares e micronutrientes fora da Europa, em Sumaré (SP). A companhia ainda destinará US$ 1 bilhão nos próximos anos às plantas de mineração de fosfato, em Minas Gerais e no Ceará, e mais R$ 1 bilhão na modernização e expansão do complexo industrial de Rio Grande (RS) – investimento confirmado em abril deste ano (leia aqui).



comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: