WhatsApp permitirá envio de mensagens por empresas

Objetivo será mediar a comunicação entre marcas e consumidores

Da Redação

redacao@amanha.com.br

O WhatsApp anunciou nesta quinta-feira (25) que começará a testar novas ferramentas que serão oferecidas à empresas. O objetivo será intermediar a comunicação entre marcas e seus consumidores, algo que já acontece dentro do aplicativo de maneira informal. Atualmente, o serviço não tem receita, uma vez que não cobra pelo acesso dos usuários, mas também não exibe publicidade de terceiros dentro do aplicativo de mensagens instantâneas. 

Ainda não há uma data para o lançamento dos primeiros recursos para empresas. A restrição tem levado a empresa a excluir do serviço diversos números de celulares usados por empresas para distribuir propagandas. Até mesmo veículos de comunicação que passaram a usar o serviço para distribuição de notícias têm sido bloqueados pela rede social.

Nos novos termos de uso anunciados pela companhia, o WhatsApp dá algumas dicas de como o aplicativo para empresas  funciona. Tudo indica que será de forma bastante parecida com o Facebook Messenger. A empresa afirma que "irá explorar novas maneiras para que as pessoas possam se comunicar com empresas no WhatsApp". Entre os exemplos citados, a companhia afirma que o usuário poderá receber alertas sobre entrega de pedidos, informações do status de voo ou um recibo de um produto que adquiriu. Ao que parece, algumas dessas informações poderão ser enviadas não por pessoas, mas por robôs virtuais que se comunicarão com os consumidores por meio dos aplicativos de mensagens. 


leia também

A arte da conquista - Algumas das marcas mais lembradas pelos gaúchos ensinam como conquistar o exigente mercado do sul

A dádiva de servir à saúde - Conheça a Farmácias São João, um dos cases do livro “100 Marcas do Rio Grande”

A fantástica fábrica de perfumes - Saiba como surgiu a colônia Acqua Fresca, sucesso d'O Boticário

A grife gaúcha dos eletrodomésticos - Conheça a Venax, case do livro “100 Marcas do Rio Grande”

Ação no STF tenta evitar novos bloqueios do WhatsApp - Qualquer decisão futura deverá ser suspensa, defende Proteste

Aprendendo marketing com “De volta para o futuro” - Por que não existem ainda os skates voadores da ficção?

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: