Dólar sofre sétima queda seguida

No ano, a moeda acumula desvalorização de 20,7%

Da Redação

redacao@amanha.com.br

O dólar comercial encerrou esta quarta-feira (10) cotado a R$ 3,132 para venda, um recuo de 0,3% em relação ao valor de terça. Essa é a sétima queda consecutiva da divisa norte-americana. O valor também é o menor desde 13 de julho do ano passado. No ano, a moeda acumula desvalorização de 20,7%. 

O movimento de depreciação do dólar foi global. A moeda perdeu força diante de 29 das 31 principais divisas do mundo. Os investidores estão buscando ativos de maior risco com a redução da volatilidade externa, maior liquidez global e percepção de que os juros continuarão próximos a zero nas economias desenvolvidas. Com isso, as moedas e ativos de países emergentes tendem a se fortalecer.

No mercado de ações, após abrir em alta, a Bolsa de Valores de São Paulo (BM&FBovespa) caiu 1,3%, aos 56.919 pontos, prejudicada pela desvalorização das commodities e acompanhando a correção de preços registrada no exterior. 


leia também

Dilma diz que sofreu segundo golpe de Estado na vida - Ex-presidente afirmou que recorrerá contra o que chamou de “fraude”

A Cetip é a ação de dividendos mais indicada para compra - Cinco corretoras recomendam o papel da empresa do setor financeiro

A China fez o que o mercado queria - Corte de juros era algo esperado, mas ainda não é suficiente para ajudar na recuperação econômica, afirmam especialistas

A estabilidade do funcionalismo público é mesmo necessária? - O tema é particularmente importante no contexto de ajuste fiscal, avalia Zeina Latif

A punição virá das gôndolas? - A tentativa de boicote às marcas do Grupo J&F

A responsabilidade do Congresso - O cuidado com os recursos públicos e o respeito à restrição orçamentária deveriam ser valores da casa, opina Zeina Latif

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: