PIB dos EUA cresce 1,2% no segundo trimestre

Resultado ficou aquém dos 2,6% esperados pelo mercado

Por Agência Brasil

O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos registrou crescimento de 1,2% no segundo trimestre de 2016, número muito aquém dos 2,6% esperados pelo mercado. O resultado dos primeiros três meses do ano foi revisado para +0,8%. O dado anterior era de +1%. 

O desempenho discreto da economia norte-americana deve ser mais um argumento para o Federal Reserve (Fed), banco central do país, manter suas taxas básicas de juros no patamar atual, entre 0,25% e 0,5%, informa a agência Ansa. Elas foram elevadas em dezembro passado pela primeira vez em mais de 9 anos, mas seguem congeladas desde então. Em junho, o Fed já havia dito que os juros seriam mantidos enquanto permanecesse a incerteza em relação aos efeitos do rompimento entre Reino Unido e União Europeia.


leia também

Economia brasileira crescerá este ano 0,3% - Banco Mundial ressalta que o país deve sair “lentamente” da recessão

FMI: economia crescerá mais fortemente em 2017 - Lagarde fez previsões em artigo para o jornal alemão Handelsblatt

A briga dos EUA com a China beneficiará o Brasil? - Os dois países têm estratégias claras e mercados consumidores imensos

Atividade econômica aumenta 0,2% em novembro - Índice medido pelo IBC-Br acusa queda de 4,5% no acumulado de 2016

Atividade econômica avança 0,25% no segundo trimestre - Em junho, o IBC-Br registrou alta de 0,5% na comparação com maio

Atividade econômica cai 0,48% em outubro - O índice considerado a prévia do PIB tem queda de 4,8% no ano

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: