Porto de Rio Grande registra recorde no primeiro semestre

O destaque é a movimentação de celulose

Da Redação

redacao@amanha.com.br

O Porto de Rio Grande (foto) teve o melhor primeiro semestre da história. Foram movimentadas 19,7 milhões de toneladas até junho, um acréscimo superior a 8% na comparação ao mesmo período do ano passado. O resultado positivo leva o diretor-superintendente do Porto de Rio Grande, Janir Branco, a projetar uma movimentação recorde de 39 milhões de toneladas para este ano – maior do que a melhor marca obtida em 2015 (37,6 milhões de toneladas). 

O destaque do período é a celulose, que, sozinha, já ultrapassa o total de 1,3 milhão de toneladas movimentadas. A razão é o investimento da Celulose Riograndense em Guaíba, cuja fábrica está em um ritmo muito intenso. Toda a madeira plantada no Estado vem para Guaíba, é industrializada e segue até o porto por meio de barcaças. 

O faturamento do Porto deve chegar a R$ 115 milhões neste ano, um avanço de 7% em relação a 2015. A receita deve ser impulsionada pelo agronegócio. A safra gaúcha de soja deve alcançar 16,2 milhões de toneladas. 


leia também

Cargill investirá R$ 350 milhões no Porto de Paranaguá - Grupo projeta aporte total de R$ 600 milhões em todo o Brasil

Dragagem no Porto do Rio Grande é confirmada - A ordem de início será assinada no dia 25 de outubro

Farsul projeta safra recorde para o RS em 2016/2017 - O crescimento será impulsionado pela soja e pelo arroz

IBGE prevê safra 1,9% menor na safra de 2016 - Região Sul terá queda de 1,2% na produção

IBGE projeta safra 2017 em 221,4 mi de toneladas - Número fica 20,3% acima de 2016. Sul produzirá 79,9 mi de toneladas

Klabin tem prejuízo de R$ 726 milhões até setembro - Porém, empresa projeta números melhores para o fim do ano

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: