Oito lições de bilionários para quem procura o sucesso

Empreendedores como Bill Gates compartilham seus aprendizados

Por Infomoney

Oito lições de bilionários para quem procura o sucesso

Existe um senso comum sobre conselhos no mundo dos negócios: se você quer melhorar a sua empresa, fale com os empresários mais bem sucedidos. E acredite, os ícones do empreendedorismo adoram dividir seus conselhos. No entanto, parece que ninguém realmente escuta. O sucesso não acontece por acaso. É preciso muito trabalho e uma grande dose de sorte. A revista Inc. listou as melhores dicas de bilionários sobre o mundo dos negócios e empreendedorismo. Confira a seguir.

1 – Tenha clientes felizes
Segundo o empresário Tej Kohli, que fez fortuna nos mercados de imóveis e software, nenhum planejamento é bom o suficiente se você não vender o bastante e não fidelizar quem compra o que você oferece.

2 – Aprenda com seus erros
Para Bill Gates (foto), que ajudou a fundar a Microsoft, é bom comemorar o sucesso, mas é mais importante aprender com fracasso. Dessa forma, fica mais fácil de acertar nas próximas vezes.

3 – Não existem atalhos
O falecido magnata do petróleo John Paul Getty dizia que a fórmula do sucesso era levantar cedo e trabalhar duro. Ou seja, é um bom lembrete que nada vem fácil, pois é preciso batalhar.

4 – Esqueça a perfeição
Para o brasileiro Eike Batista, quando for montar a sua empresa, você não teve visar a perfeição e sim o sucesso.

5 – Divirta-se
"Divirta-se. O jogo é muito mais agradável quando você está tentando fazer mais do que apenas ganhar dinheiro", ensina o fundador da Zappos, Tony Hsieh.

6 – Inove
"Se você quer conquistar o sucesso, explore novos caminhos em vez de seguir uma trilha já desbravada por alguém", dizia John D. Rockefeller.

7 – Arrisque
O fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, alerta que o maior risco de alguém é não correr qualquer risco. “Em um mundo como o nosso, em que tudo muda rapidamente, só há uma garantia: quem não é arrojado fica para trás”, recorda.

8 – Equilíbrio
"Tem de haver um equilíbrio na vida. Um balanço dos negócios, família, bem como a oportunidade de aprender e de ensinar”, afirma Chuck Feeney, fundador do Duty Free.


leia também

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: