Região Sul perde Werner Ricardo Voigt

Empresário foi um dos três fundadores da catarinense Weg

Da Redação

redacao@amanha.com.br

A região Sul perdeu nesta quarta-feira (1) o empresário Werner Ricardo Voigt (foto), um dos três fundadores da Weg. Voigt faleceu no início da tarde, em Jaraguá do Sul, de causas naturais. Nascido em 1930, Voigt era descendente de imigrantes alemães vindos da região de Düsseldorf. Adolescente, morou em Joinville, onde estudou no Senai. Aos 18 anos foi convocado para servir ao Exército em Curitiba. Após o serviço militar, conseguiu ser um dos dois soldados selecionados para frequentar a Escola Técnica Federal, onde se especializou em radiotelegrafia e eletrônica.

Em 1961, juntamente com Eggon João da Silva e Geraldo Werninghaus, fundou a Weg, que na época produzia apenas motores elétricos. Atuou como diretor técnico da empresa até 1980. Depois, durante oito anos foi diretor superintendente da Weg Máquinas, unidade que produzia geradores e motores de alta tensão. Fez parte do Conselho de Administração da Weg de 1989 a 2005, bem como da WPA, holding de controle do Grupo Weg. Até os últimos dias de vida, foi um frequentador assíduo das fábricas da Weg. 

“Santa Catarina está de luto, perdemos um homem idealizador, realizador e empreendedor, que com sua inteligência e criatividade desenvolveu um setor importante para a nossa economia, gerando milhares de empregos. A sua simplicidade encantava a gente, a sua inteligência era uma referência para todos nós. A sua obra, o resultado de seu trabalho, influenciou e ainda influencia a economia de Santa Catarina e do Brasil e seu exemplo de vida é ensinamento para todos. Perdemos um grande brasileiro”, afirmou, em nota, Raimundo Colombo, governador de Santa Catarina.


leia também

As empresas que perderam mais de R$ 1 bi na bolsa - Klabin, Braskem e Weg estão na lista da Economatica, com base em junho

As grandes tacadas da Weg no Brasil e no exterior - Empresa catarinense encontra novas oportunidades de negócio

Fiesc defende política para reduzir ociosidade na cadeia de petróleo e gás - A crise no setor naval em SC cortou 5 mil vagas, alertou Glauco Côrte no lançamento do Movimento Produz Brasil

Grandes empresas catarinenses adotam redução de salário e de jornada - As principais justificativas são a tentativa de evitar mais demissões e a crise econômica

Indústria do Sul perde Eggon João da Silva - Corpo do fundador da Weg foi sepultado no domingo

Nem a crise afasta a Weg do crescimento - Empresa amplia investimentos no exterior e reforça o mix de produtos

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: