Gerdau nega vantagem indevida a funcionários do Carf

Empresa afirma que nenhum valor foi repassado aos escritórios

Da Redação

redacao@amanha.com.br

A Gerdau negou novamente que tenha oferecido vantagens indevidas a funcionários públicos para obter decisões favoráveis à empresa em processo em trâmite no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf). A Polícia Federal (PF) concluiu, na segunda feira (16), um relatório sobre inquérito a siderúrgica, no qual indicia 19 pessoas, entre conselheiros e ex-conselheiros do Carf, advogados e membros da diretoria responsável da empresa investigada por tentar sonegar R$ 1,5 bilhão (leia mais detalhes aqui).

“A Gerdau vem informar que, após ser surpreendida pela notícia no site da Polícia Federal e na imprensa sobre a conclusão da 6ª Fase da Operação Zelotes, somente na data de hoje teve acesso ao Relatório que menciona o indiciamento de seu diretor-presidente, um executivo e mais dois ex-executivos, os quais já haviam prestado esclarecimentos no âmbito dessa Operação”, relata o comunicado divulgado na quarta-feira (18). “Nenhuma importância foi paga ou repassada aos escritórios externos do caso específico e os contratos foram rescindidos quando os nomes dos prestadores de serviço investigados foram veiculados na imprensa por suspeitas de ações ilícitas”, reitera a nota. 

A Gerdau afirma ainda que possui rigorosos padrões éticos na condução de seus pleitos junto aos órgãos públicos e reafirma que está, como sempre, à disposição das autoridades para prestar esclarecimentos. Leia a nota completa aqui



leia também

A fantástica fábrica de aço - Como a inteligência artificial, os aplicativos e os drones foram incorporados às práticas industriais da Gerdau

A reestruturação da Gerdau veio na hora errada? - Transação seria negativa por causa da dívida da maior empresa do sul

Apesar da retração, Schulz conquista lucro - Empresa acumulou ganho de R$ 48 mi em 2015

As empresas brasileiras que podem virar “anjos caídos” - S&P revela quais companhias correm o risco de perder grau de investimento

As sandálias sempre novas da Grendene - Produtos lançados no último ano são responsáveis por 90% da receita

Banrisul lucra R$ 188 mi no primeiro trimestre - O resultado foi favorecido por receitas de serviços e tarifas

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: