Fed cogita alta de juros ainda em junho

BC dos EUA pretende analisar mais dados antes da decisão

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Os integrantes do Fed (Federal Reserve, o Banco Central norte-americano) deixaram aberta a possibilidade de uma nova elevação dos juros ainda em junho nos Estados Unidos. A ata da reunião foi divulgada nesta quarta-feira (18). “Um aumento da taxa básica de juros seria apropriado em junho caso a economia continue melhorando”, propõe o documento. Segundo a nota, as autoridades queriam analisar mercado de trabalho, inflação e risco antes de uma movimentação. Outros membros pensam que as expectativas do mercado de alta de junho são “excessivamente baixas”.

O documento revela que o Fed espera que os indicadores do mercado de trabalho continuem a se fortalecer. A atividade econômica também deve aumentar em um ritmo moderado no médio prazo. Os integrantes do Fed afirmam que as ferramentas macroprudenciais poderiam significar endereçar desequilíbrios financeiros. O documento afirma que os membros do Fed concordaram em não excluir possibilidade de usar ferramentas monetárias para resolver desequilíbrios financeiros, em caso de necessidade.


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: