Simone Leite é eleita presidente da Federasul

Empresária é a primeira mulher a assumir o cargo da entidade

Da Redação

redacao@amanha.com.br

A empresária Simone Leite (foto) foi eleita nesta quarta-feira (13) presidente da Federasul (Federação das Associações Comerciais e de Serviços do Rio Grande do Sul) para a gestão 2016/2018, na primeira disputa eleitoral da história de 88 anos da entidade. O nome da administradora recebeu 27 votos dos 55 possíveis do Conselho Superior. Seu adversário, Paulo Afonso Pereira (foto),  teve 19 votos. Nove conselheiros não votaram. A posse está prevista para o mês de maio. 

Natural de Estância Velha, Simone é a primeira mulher a assumir a presidência da Federasul. Formada em administração de empresa, atua como diretora administrativo-financeiro do Grupo Urano, em Canoas, além integrar diversos conselhos superiores de empresas. A empresária de 38 anos já presidiu a Câmara da Indústria, Comércio e Serviços de Canoas (CICs) e é vice-presidente de Integração da Federasul desde 2012. Além disso, a nova presidente da Federasul foi secretária de Desenvolvimento Econômico de Canoas entre 2009 a 2011, quando criou o Escritório do Empreendedor e reduziu a carga tributária do município. 

Simone defende uma maior participação do interior nas decisões da entidade. “Devemos ter sintonia de pensamento e de posições, pois uma entidade representativa é como um guarda-chuva em defesa dos interesses dos empreendedores e filiados”, ao acrescentar que seu nome surgiu da base da entidade por estar comprometido com os seus anseios. 

Na terça-feira (12), Paulo Afonso Pereira, que concorria com Simone Leite à presidência da Federasul, foi eleito por aclamação presidente da Associação Comercial de Porto Alegre (ACPA) para a gestão 2016/2018. A ACPA é filiada à Federasul e representa mais de 900 empresas da capital gaúcha. Paulo Afonso foi presidente do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). Também dirigiu as regionais do Senai e Senac, na década de 1990. Em 1996, criou a Paulo Afonso Pereira Propriedade Intelectual, com sede em Porto Alegre, e que se tornou referência na sua especialidade no sul do país. Pereira defende o fortalecimento financeiro da ACPA e a maior participação dos empresários no associativismo com capacidade de administração em organizações funcionais. “Nosso projeto de gestão prevê a intensificação do potencial de ação da entidade”, finalizou o novo presidente.



leia também

A China é economia de mercado, quer queiramos ou não - Não podemos imaginar que ganharemos algo confrontando a maior economia do mundo com argumentos frágeis

A China rural não existe mais - A mudança do modelo de crescimento econômico continuará elevando as demandas do país mais populoso do mundo

A luz no final do túnel é um trem chinês - O país de proporções gigantescas mantém a estratégia de crescer

A nova ambição do encantador de clientes - Galló anuncia missão de ser “o maior varejo de moda das Américas”

A tecnologia como mola propulsora da economia gaúcha - Executivos do Tecon Rio Grande, da 4all e do Sicredi acreditam que a TI cumprirá papel estratégico para o Estado

Acredite: até o lucro da Renner caiu - Clima e recessão fizeram resultado ter queda de 10,5%

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: