Você está pronto para se tornar um consultor?

O principal requisito é ter conteúdo que possa interessar às empresas

Por Bernt Entschev

Há momentos na carreira em que um profissional se vê diante de diversas possibilidades. Isso acontece, principalmente, ao ser demitido ou na iminência de uma demissão. Qual caminho seguir? Outro emprego e empreendedorismo são as opções mais comuns. Mas há quem se lembre de uma oportunidade mais exclusiva, destinada aos que já possuem experiência na sua área: a consultoria. Hoje existem de todos os segmentos: vendas, varejo, administração, recursos humanos, TI,  logística etc. Há demanda para tudo – mesmo em tempos de crise. 

Para se tornar consultor, o principal requisito é ter conteúdo que possa interessar às empresas. Afinal, você estará oferecendo seu conhecimento e ele deve ser relevante. Eis alguns passos fundamentais para quem deseja entrar na área de consultoria:

Transforme seu conhecimento num produto ou serviço e o ofereça
Saiba vender ou não terá a chance de mostrar seu trabalho. Invista seu tempo na prospecção de clientes. Desse modo, pessoas importantes saberão quais serviços você oferece. 

Dedique um bom tempo às  vendas
Se não tiver jeito para vendas, será preciso trabalhar para uma empresa de consultoria que possa oferecer seu trabalho. Há boas companhias com vagas para consultores, como o Sebrae, a própria De Bernt Human Capital (que presido), além de outras empresas de grande porte. Estando em uma empresa, você só terá que se preocupar com a parte técnica.

Pense se consegue conviver bem com a insegurança
Saiba administrar seu tempo e sua ansiedade. Haverá momentos de excesso de trabalho e outros de ócio. Da mesma forma, as finanças oscilarão. Você vai ouvir alguns nãos. Prepare-se para isso.

Produza conteúdo relevante e divulgue-o
Use seu site, redes sociais e grupos de contatos para fazer com que seus textos sejam lidos. Eventualmente, envie esse material para veículos de comunicação. Essa divulgação consolidará sua imagem como especialista na área de consultoria. O ideal é que você se torne uma referência no mercado.

Saiba correr riscos
São muitos – inclusive o de desistir e aceitar um emprego quando ele aparecer. Porém, se a consultoria for seu caminho, persista. Há espaço e oportunidades! Você vai ver! 



comentarios




Mario menedes

Ótimo assunto. Pretendo me inserir na carreira de consultor.

Comentar

Adicione um comentário: