Venda de material de construção cai 22,2%

Segundo Abramat, o resultado é reflexo da redução da renda no país

Por Agência Brasil

Venda de materiais de construção cai 22,2% em fevereiro

As vendas de materiais de construção da indústria caíram 22,2% em fevereiro na comparação com fevereiro de 2015, e 6,9% na comparação com janeiro último. Foi a vigésima quinta queda consecutiva na comparação anual. As empresas do setor também reduziram em 9,4% o quadro de empregados em relação a fevereiro de 2014. Sobre o mês anterior, o nível de emprego teve recuo de 0,5%.

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (9) pela Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat). Segundo a nota técnica da entidade, o resultado é reflexo da redução da renda, do emprego e do crédito no país. Em nota, o presidente da Abramat, Walter Cover, defendeu que a retomada dos negócios depende de mais investimentos em infraestrutura e aumento de crédito para compra e reforma de moradias.

“A perdurar o clima político negativo, somente um programa agressivo de crédito imobiliário, de crédito para reformas, a ativação do MCMV - Programa Minha Casa Minha Vida - e aceleração de leilões de infraestrutura poderão melhorar as vendas da indústria em 2016”, disse ele. Para o fechamento deste ano, a Abramat manteve a projeção de queda de 4,5% no faturamento do setor.


leia também

Dilma diz que sofreu segundo golpe de Estado na vida - Ex-presidente afirmou que recorrerá contra o que chamou de “fraude”

A bússola da Idealiza Urbanismo não aponta para a crise - Companhia tem um portfólio de empreendimentos para lançar no Sul e se prepara para conquistar o interior de São Paulo

A punição virá das gôndolas? - A tentativa de boicote às marcas do Grupo J&F

A responsabilidade do Congresso - O cuidado com os recursos públicos e o respeito à restrição orçamentária deveriam ser valores da casa, opina Zeina Latif

A superação de crise das empresas requer uma equipe - Para Telmo Schoeler, o grupo deve elaborar plano de ações corretivas

A superfície e as profundezas da economia - Retomada poderá ser difícil dada a situação financeira empresarial

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: