BTG recomenda compra de ações da Brasil Foods

Os papéis devem valorizar mais de 50% em um ano

Por Infomoney

BTG Pactual recomenda compra de ações da Brasil Foods

Os analistas do BTG Pactual divulgaram relatório em que recomendam compra para as ações da BRF (foto). A instituição financeira ainda estima um preço-alvo para os próximos doze meses de R$ 75 para os papéis da companhia – o que totaliza um potencial de valorização de 54,2% em relação ao fechamento de segunda-feira (1). 

A equipe de análise do BTG comenta no relatório a prévia dos resultados referentes ao quarto trimestre de 2015 da companhia. A expectativa é de um EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações, na sigla em inglês) “saudável” de R$ 1,6 bilhão, com uma margem de 17,8%.

O BTG ainda revela que está ansioso para entender o quão efetiva está sendo a estratégia de precificação da companhia catarinense no Brasil para recuperar participação de mercado e margens, o quão resilientes foram as margens internacionais e o cenário esperado para 2016. Os analistas comentam que seguem com a recomendação de compra para os papéis da companhia enquanto espera por um ano com melhores resultados. O valuation do papel é considerado “decente” pelo BTG e está próximo das mínimas históricas.

leia também

Agora quem não quer sou eu - E quando a empresa pisa na bola e compromete a imagem da celebridade que a endossa?

Alexandre Almeida comandará a BRF no Brasil - Companhia catarinense também anunciou outras mudanças

Brasil Foods cria subsidiária para mercados muçulmanos - A Sadia Halal poderá atuar em países ainda não atendidos pela empresa

Brasil Foods investe US$ 16 milhões na Malásia - Companhia quer expandir presença no sudeste asiático

Brasil Foods, a queridinha dos fundos de investimento - Empresa catarinense atrai 75% do total aportado no setor de alimentos

Brasil pode perder até R$ 2 bi por escândalo da carne - AEB leva em conta a redução de preços e a perda de mercado

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: