Sul lidera ranking nacional do VBP

Lavouras e pecuária da região atingiram R$ 145,6 bi em 2015

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Sul lidera ranking nacional do valor bruto da produção agropecuária

O Sul do país teve maior participação no valor bruto da produção agropecuária (VBP) de 2015. Do montante de R$ 498,5 bilhões alcançados no ano passado, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná foram responsáveis por um faturamento de R$ 145,6 bilhões dentro dos estabelecimentos rurais. O levantamento foi divulgado nesta quinta-feira (21) pela Secretaria de Política Agrícola (SPA) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). 

No ranking por regiões do VPB 2015, elaborado pela Coordenação-Geral de Estudos e Análises da SPA, o Centro-Oeste aparece em segundo lugar, com R$ 135,2 bilhões, seguido do Sudeste, com R$ 127,4 bi, Nordeste, com R$ 46,9 bi, e Norte, com R$ 29,1 bi. Soja, bovinos, cana-de-açúcar, milho e café foram os produtos com maior VBP no ano passado. O ano passado também foi o de melhor resultado para outros produtos ao longo dos últimos anos, com destaque para cebola, suínos, frango e ovos.

Milho
O desempenho da cultura de milho em 2015 resultou em um valor bruto da produção de R$ 41,3 bilhões. Do total, a Região Centro-Oeste foi responsável por R$ 19,9 bi. “Também chama a atenção o fato de o VPB do milho em Mato Grosso, de R$ 10,4 bilhões, ter superado o do Sul, de R$ 10,2 bilhões”, analisa José Gasques, coordenador-geral de Estudos e Análises da SPA. Ele lembrou que nessa região estão o Paraná e o Rio Grande do Sul, importantes produtores do cereal.



leia também

A China rural não existe mais - A mudança do modelo de crescimento econômico continuará elevando as demandas do país mais populoso do mundo

A transformação digital da agricultura - Tecnologia pode melhorar rendimento de produtores

Atuação em rede que produz melhores resultados - Para Luiz Vicente Suzin, presidente da Ocesc, a intercooperação dá independência ao sistema cooperativista

Cargill investirá R$ 350 milhões no Porto de Paranaguá - Grupo projeta aporte total de R$ 600 milhões em todo o Brasil

Cooperativas do Paraná faturam R$ 56,5 bilhões - A projeção do setor é um crescimento próximo de 10% em 2016

Cooperativas do PR devem encerrar 2016 com receita superior a R$ 70 bi - Encontro Estadual de Cooperativistas Paranaenses, em Curitiba, discutiu desafios do setor

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: