Walmart demite em Curitiba e Londrina

Empresa confirma o fechamento de 13 unidades no Paraná

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Walmart confirma o fechamento de 13 unidades no Paraná

A rede de supermercados Walmart (foto) confirmou o fechamento de 13 lojas no Paraná e informou que parte dos funcionários aderiu à demissão voluntária.Em Curitiba, região e litoral, oito lojas fecharam as portas no dia 31 de dezembro. Foram seis unidades do Mercadorama na capital paranaense e unidades do TodoDia em Paranaguá e em Pinhais. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Mercados de Curitiba e Região (Siemerc), dos 477 trabalhadores da região, 189 foram desligados e 288 foram realocados para as demais unidades.

Walmart fechará supermercados no Sul

Em Londrina, a loja do Maxxi Atacado encerrou as atividades e 63 trabalhadores foram demitidos, enquanto 38 foram transferidos. A rede também confirmou o fechamento de um Mercadorama em Umuarama, e de supermercados BIG em Toledo, Ponta Grossa e Maringá. A empresa não informou o número de demitidos nessas unidades. Os funcionários que foram demitidos terão todos os direitos trabalhistas assegurados e terão o plano de saúde mantido por seis meses. As primeiras rescisões serão assinadas nesta semana. A empresa confirmou que não há perspectiva de novos fechamentos e de novas demissões, apesar de afirmar que as lojas que restaram terão sobras de 10 a 15 funcionários.


leia também

Dilma diz que sofreu segundo golpe de Estado na vida - Ex-presidente afirmou que recorrerá contra o que chamou de “fraude”

A China é economia de mercado, quer queiramos ou não - Não podemos imaginar que ganharemos algo confrontando a maior economia do mundo com argumentos frágeis

A China fez o que o mercado queria - Corte de juros era algo esperado, mas ainda não é suficiente para ajudar na recuperação econômica, afirmam especialistas

A China rural não existe mais - A mudança do modelo de crescimento econômico continuará elevando as demandas do país mais populoso do mundo

A estabilidade do funcionalismo público é mesmo necessária? - O tema é particularmente importante no contexto de ajuste fiscal, avalia Zeina Latif

A luz no final do túnel é um trem chinês - O país de proporções gigantescas mantém a estratégia de crescer

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: