Electrolux demite mais de 500 pessoas

A informação é do sindicato dos trabalhadores

Da Redação

redacao@amanha.com.br

Electrolux demite mais de 500 pessoas em sua fábrica de Curitiba

A Electrolux (foto) demitiu na terça-feira (1) cerca de 540 funcionários de sua fábrica que produz refrigeradores e freezers, em Cuririba. A informação é do Seletroar, sindicato que representa os trabalhadores. Conforme o sindicato, a Electrolux se comprometeu a bancar um pacote de benefícios para os demitidos. A empresa pagará um salário nominal e R$ 1,5 mil em vale-alimentação a cada um e manterá o plano de saúde por quatro meses. Em nota, a companhia declarou que “adotou medidas para readequar a produção em relação à demanda do mercado e avisou que não confirmaria o número de demissões por questões estratégicas.”


leia também

Dilma diz que sofreu segundo golpe de Estado na vida - Ex-presidente afirmou que recorrerá contra o que chamou de “fraude”

A China fez o que o mercado queria - Corte de juros era algo esperado, mas ainda não é suficiente para ajudar na recuperação econômica, afirmam especialistas

A estabilidade do funcionalismo público é mesmo necessária? - O tema é particularmente importante no contexto de ajuste fiscal, avalia Zeina Latif

A punição virá das gôndolas? - A tentativa de boicote às marcas do Grupo J&F

A responsabilidade do Congresso - O cuidado com os recursos públicos e o respeito à restrição orçamentária deveriam ser valores da casa, opina Zeina Latif

A superfície e as profundezas da economia - Retomada poderá ser difícil dada a situação financeira empresarial

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: