Crise é uma oportunidade para empreender

Mas antes de começar um próprio negócio, é preciso fazer uma autoanálise

Por Bernt Entschev

empreender

Quem tem o tino para os negócios na veia e nunca experimentou empreender, pode encontrar no atual momento do Brasil – que a maioria chama de crise  - o cenário certo para iniciar um novo negócio. Como muitos sabem, sempre há oportunidades onde outros vêem apenas perdas e desânimo. Eu mesmo sou fruto de uma situação assim: a empresa onde eu trabalhava lançou um plano de demissões voluntárias porque passava por um momento difícil. Existia boa chance de perder o emprego. Com minha experiência, acreditei que era hora de investir numa consultoria. Deu certo.

Porém, empreender não é para todos.  É preciso ter perfil e, principalmente, escolher uma área com a qual se tem afinidade. Gostar mesmo do que vai fazer. Conhecer e entender o segmento em que se pretende entrar.  Ter nesse novo trabalho o prazer de realizar algo novo. Em outras palavras, conhecimento e paixão. Sem isso, os riscos de tudo dar errado são grandes.

O primeiro passo para quem quer empreender é fazer uma autoanálise.  Você consegue suportar a pressão e o risco? Afinal, em um negócio, pode-se ganhar ou perder. Está pronto para lidar com essa incerteza? Porque quem não aguenta se desespera, toma decisões erradas e acaba afundando.  Se a resposta é sim, passe para a questão seguinte.

Você tem reservas financeiras suficientes para viver enquanto o novo negócio não dá lucro? Porque muitos empreendimentos demoram meses, às vezes até um ou dois anos, para engrenar. Aliás, qualquer negócio precisa de tempo para maturar. Se não tiver como viver enquanto isso, é um grande problema e minha recomendação é aguardar e poupar se quiser mesmo realizar o sonho de empreender.

Outra questão importante é ter ou desenvolver a capacidade de se relacionar bem com clientes, fornecedores e subordinados. As pessoas são o centro de qualquer empresa. Também saber lidar com a burocracia do governo e administração de negócios. É preciso paciência e determinação.

Por fim, na hora de escolher em que área vai empreender, olhe para si mesmo. Veja quais atributos e conhecimentos podem se transformar em negócios, produtos ou serviços. Com certeza, haverá algo muito interessante a se fazer. Quando encontrar essa ideia, vá em frente!


leia também

Não há segredo nas Melhores Empresas para Trabalhar – SC - Blumenau receberá próximo evento de AMANHÃ e GPTW em agosto

A consagração de quem valoriza - Evento premiou as 40 Melhores Empresas para Trabalhar no RS

A empresa vai quebrar. E agora? - A resposta não é simples, pois envolve algumas questões muito subjetivas

A hora e a vez dos colaboradores - Pesquisa de AMANHÃ e GPTW em SC recebe inscrições até 5 de setembro

A magia do vinho no sudoeste da França - Fernando Dourado Filho conta como a bebida pode mudar o rumo dos negócios

A necessidade de controlar a internet nas empresas - O mau uso pode causar até mesmo demissão por justa causa

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: