Gedore, uma empresa alemã por qualidade

Conheça a companhia, case de “100 Marcas do Rio Grande”

Gedore, case do livro "100 Marcas do Rio Grande"

Há quase um século, a cidade de Remscheid – na região de Düsseldorf, no Oeste da Alemanha – está presente de forma subliminar em milhões de lares, oficinas e indústrias no mundo inteiro. O nome da cidade é um dos elementos em uma sigla poderosa, que identifica uma das maiores fabricantes de ferramentas manuais no planeta. Tudo começou em 1919, quando os irmãos Karl, Willi e Otto Dowidat criaram um pequeno empreendimento. Para batizar o negócio, os sócios tomaram as iniciais de Gebrüder Dowidat Remscheid – Irmãos Dowidat de Remscheid –, formando o acrônimo Gedore.
Inicialmente, a empresa dedicou-se à produção de chaves ajustáveis e chaves para canos. Perfeccionistas, os irmãos Dowidat logo prosperaram, esgotando a capacidade da pequena fábrica. Em 1926, a Gedore mudou-se para uma sede maior, onde está instalada até hoje. Em 1933, os Dowidat sofreram uma grave perda, com o falecimento de Karl. Mais tarte, em 1949, Willi e Otto decidem-se por desfazer a sociedade. Willi ficou com a sede e lá fundou a fábrica Dowidat. A manutenção da marca Gedore coube a Otto, que tratou de expandi-la. O primeiro movimento foi a construção da empresa Gedore – Waldkirchen, na Baviera, também na Alemanha. A fabricante agigantou-se nos anos seguintes, espalhando filiais na Europa, na América do Sul e na África, além de absorver a Companhia Rahsol, na Alemanha, em 1972. Ao longo dos anos, a corporação agregaria as marcas Habero, Dako, Baldur, Metec, Altas e Torqueleader.

A chegada da Gedore ao Rio Grande do Sul foi um desdobramento dessa política de expansão adotada pela marca. A operação da Gedore em terras brasileiras foi montada na cidade de São Leopoldo, no Vale do Sinos, região de forte colonização germânica. A inauguração da primeira fábrica ocorreu em 5 de novembro de 1962. Hoje, cerca de um terço dos 2,4 mil funcionários do Grupo Gedore no Brasil trabalham nos dois núcleos erguidos no município gaúcho. A célula dedicada à confecção de ferramentas ocupa um espaço de 38,7 mil metros quadrados. Há ainda a unidade de chapas, instalada em 9,5 mil metros quadrados. O restante dos colaboradores estão em Guarulhos (SP), onde está localizada a central de distribuição da linha Robust.

Para estar presente em todos os cantos do país, a marca é disseminada por cerca de 50 representantes. Além desta equipe, a qualidade Gedore é atestada pelos balconistas das lojas especializadas. Foi isso o que revelou uma pesquisa realizada pela marca junto aos consumidores, segundo a qual a clientela aponta os profissionais do varejo como principal fonte de informação na hora da escolha das ferramentas. 

O resultado da pesquisa desencadeou uma ação de relacionamento da marca com seus canais de distribuição. Daí nasceu o Clube Amigo Gedore, criado em 2002 como instrumento de fidelização dos vendedores. Para facilitar a divulgação dos valores prezados pela companhia, foi criado um jornal, o Conexão Gedore, direcionado apenas aos sócios. A publicação, que já passou da 35ª edição, veicula novidades da marca e conteúdos culturais, além de colunas técnicas sobre vendas. Com mais de 10 mil sócios, o Clube Amigo Gedore oferece benefícios aos filiados por meio de sorteios, concursos culturais e atividades comemorativas, além de convidar a todos para feiras e eventos.
 
A Gedore também realiza consultorias técnicas, prestadas por equipes capacitadas para elucidar assuntos específicos, através de visitas e treinamentos a distribuidores e usuários. Além de reforçar os laços de relacionamento com os distribuidores, a marca investe em exposição visual e posicionamento nos pontos de venda para estreitar sua relação com o público consumidor. O Catálogo Gedore, impresso anualmente, divulga as informações técnicas referentes aos mais de 25 mil produtos do portfólio. A marca também participa de forma ostensiva nas feiras do setor. Nas exposições, a empresa aproveita para captar tendências de mercado e ativar lançamentos.

Aço, mente e carne
Rigor, precisão e método são qualidades geralmente associadas ao espírito prussiano. A solidez da marca Gedore traz em sua têmpera esses ingredientes atávicos. O selo Made In Germany empresta seu peso e respeitabilidade a um mix de produtos único e abrangente. Valendo-se das melhores práticas de gestão e fabricação, a Gedore é líder em seu segmento no Brasil e detém as principais certificações de confiabilidade e normatização, em consonância aos padrões ISO, QS, ABNT e DIN.

A Gedore oferece ao mercado uma gama de soluções que engloba desde as ferramentas mais tradicionais até gêneros projetados para suprir necessidades muito específicas. Em constante aperfeiçoamento tecnológico, a marca tem uma notória capacidade de adaptar estruturas e maquinários às mais diversas finalidades. Numa prosaica chave inglesa ou em complexos mecanismos de funcionalidade segmentada, a Gedore emprega sua excelência no trato com os materiais, gerando ferramentas diferenciadas em ergonomia, segurança e durabilidade.

Apesar desse enorme cabedal de artigos forjados em aço, a principal ferramenta da Gedore ainda é feita de carne e osso. Recurso fundamental, o ser humano recebe atenção plena, com investimentos em programas de segurança no trabalho e na constante capacitação – perseguindo a primazia em expertise e profissionalismo. Outro ponto de destaque é a preocupação socioambiental, bastante presente no dia a dia da organização, tanto que a empresa desenvolve diversas iniciativas para tratamento de efluentes e descarte de resíduos.

O slogan Líder por Qualidade joga com a ascendência da marca, enquanto a logotipia remete ao caráter funcional dos produtos Gedore. Inicialmente, a assinatura surgia em branco, sublinhada e grafada em itálico, com formato discursivo. O lettering evoluiu para uma fonte azulada, sem serifa, que depois foi matizada em preto e ganhou robustez, denotando a solidez da marca. O grifo estendeu-se numa elipse vermelha que delimita o elemento figurativo.

Além de competentes e ciosos, sabe-se que os alemães são obstinados. Em 1985, a marca Gedore já era uma empresa com atuação destacada em âmbito global. Mas a atenção do então presidente, Karl Dowidat, estava voltada para um sonho a ser realizado quase no quintal de casa. Em honra à memória do pai – Otto, falecido em 1975 –, Karl assinou naquele ano a compra da velha sede da Companhia Dowidat, perdida para o irmão Willi em 1949. Atualmente, a Gedore é chefiada por Karen Dowidat, neta do fundador Otto.

No cinquentenário da Gedore do Brasil, em 2012, a contribuição expressiva da filial gaúcha foi exaltada pelos dirigentes alemães. A unidade de São Leopoldo é responsável pela criação de tecnologias que acabaram sendo adotadas mundialmente nas instalações da corporação. Assim, a ramificação brasileira forjou degraus importantes no avanço da já poderosa marca germânica em sua empreitada mundo afora.



leia também

A arte da conquista - Algumas das marcas mais lembradas pelos gaúchos ensinam como conquistar o exigente mercado do sul

A dádiva de servir à saúde - Conheça a Farmácias São João, um dos cases do livro “100 Marcas do Rio Grande”

A fantástica fábrica de perfumes - Saiba como surgiu a colônia Acqua Fresca, sucesso d'O Boticário

A grife gaúcha dos eletrodomésticos - Conheça a Venax, case do livro “100 Marcas do Rio Grande”

Aprendendo marketing com “De volta para o futuro” - Por que não existem ainda os skates voadores da ficção?

As marcas boas de bola do Sul - Dupla Grenal tem as grifes mais valiosas da região

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: