Marfrig e Minerva são apostas do Deutsche Bank

Setor de carnes se beneficia com a valorização do dólar frente ao real

Por Infomoney

Marfrig e Minerva são apostas do Deutsche Bank

A equipe de analise do Deutsche Bank (foto) divulgou relatório em que comenta o panorama do mercado de ações na América Latina. A instituição financeira acredita que a maior parte das blue chips do setor de consumo se encontram em seu valor justo, mas estão confiantes com as exportadoras de carne.

No Brasil, os analistas preferem os papéis da Marfrig (MRFG3) e da Minerva (BEEF3), e destacam que cada uma delas têm dois terços ou mais de suas receitas denominadas em dólar. Eles ainda apontam que as incertezas permanecem altas no cenário macroeconômico brasileiro.

A economia aqui segue com uma perspectiva negativa, de acordo com os especialistas, especialmente após a perda do grau de investimento pela agência Standard & Poor’s, com queda na confiança do consumidor e aumento no desemprego.

Mesmo assim, o país apresentou alta em seus volumes de exportação de carne suína e bovina. Os volumes de vendas de carne de aves também estão positivos. Os analistas destacam que o setor se beneficia com a valorização da moeda estadunidense frente ao real.



leia também

A China fez o que o mercado queria - Corte de juros era algo esperado, mas ainda não é suficiente para ajudar na recuperação econômica, afirmam especialistas

A crise no terceiro parceiro comercial do Sul - Casa Rosada anuncia pacote econômico. Indústria brasileira começa a evitar vendas a prazo na Argentina

A punição virá das gôndolas? - A tentativa de boicote às marcas do Grupo J&F

Ação da Braskem segue quebrando recordes - Alta do dólar e queda dos preços do petróleo beneficiam empresa

Agosto, o pior mês do ano para o Ibovespa - Bolsa acumula queda de 24,6% e dólar comercial totaliza alta de 33%

Ampliação da vantagem de Bolsonaro faz dólar recuar - Bolsa fecha a terça em alta com publicação de pesquisas

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: