Apple revela novas versões do iPhone, do iPad e da Apple TV

O iPad Pro, um dispositivo para o mundo corporativo, foi a novidade

Por Infomoney

Apple apresenta o iPad Pro, um dispositivo voltado para o mundo corporativo

A Apple apresentou os seus novos iPhones nesta quarta-feira (9). Os smartphones chegam ao mercado a partir de 25 de setembro. O Brasil não receberá os aparelhos nessa primeira fase.  Os smartphones não apresentaram mudanças de design, mas contam com chip Apple A9. O iPhone 6S custará, no plano de dois anos com a operadora nos Estados Unidos, US$ 199 o de 16 GB, US$ 299 o de 64 GB e USS 399 o de 128 GB. Já o iPhone 6S Plus custará US$ 299, US$ 399 e US$ 499, respectivamente.

No Brasil, a Apple já reduziu os preços do iPhone. O 6, por exemplo, que antes custava a partir de R$ 3.499, está custando R$ 3.199. Além disso, não estão mais disponíveis as versão com 128 GB e o iPhone 5C saiu de linha. Os primeiros países a receber os iPhones são Austrália, Canadá, China, França, Alemanha, Hong Kong, Japão, Nova Zelândia, Porto Rico, Singapura e Reino Unido. Nesses locais, a venda começa em 25 de setembro.

Além dos iPhones, também foi apresentado o recurso 3D Touch que, de acordo com a pressão na tela, revela funções para os aplicativos, câmera traseira de 12 megapixels, frontal de 5 megapixels, gravação de vídeos em 4K, novo Touch ID duas vezes mais rápido. A Apple também está apostando em uma nova cor: o rosa-dourado. Além disso, a empresa criou uma função que facilita que usuários de outros sistema operacionais migrem para o iOS.

iPad
Para a linha de tablets, a companhia apresentou o iPad Pro (foto), um dispositivo voltado, principalmente, para o mundo corporativo. Com a maior tela já feita para um dispositivo com iOS: 12,9 polegadas, o aparelho tem 56 milhões de pixels, numa resolução de 2732 x 2048 pixels. Entre as principais características estão chip Apple A9X, que é 1,8 vezes mais rápido que o modelo anterior. A empresa aproveitou para trazer representantes da Microsoft para mostrar as vantagens de utilizar o pacote Office no novo iPad. O usuário, por exemplo, pode fazer anotações nas margens, marcar partes de um texto, compartilhar anotações, desenhar no PowerPoint, entre outras funções. O tablet está disponível nas lojas a partir de novembro custando US$ 799 (32 GB com Wi-Fi), US$ 949 (128 GB com Wi-Fi) ou US$ 1.079 (128 GB com Wi-Fi e Celular).

Apple TV 
O CEO Tim Cook afirmou durante a apresentação que a experiência de assistir TV não mudou ao longo dos anos. Por isso, a empresa redesenhou a Apple TV. Para começar, o dispositivo ganhou um controle remoto com touchpad que permite avançar ou retornar no filme e controlar o menu principal. Nele também é possível encontrar um botão com o desenho do microfone, onde é possível entrar em contato com a Siri que exibe conteúdo, fotos, Apple Music e App Store, procura episódios de séries e filmes com determinados atores. Além disso, os aplicativos da App Store foram redesenhados para serem usados na televisão e o sistema operacional passou a ser chamado de tvOS. Serão dois modelos: um de 32 GB por US$ 149 e outro de US$ 64 GB por US$ 199. Eles estarão disponíveis no final de outubro.

Apple Watch
Por fim, mas não menos importante, foi apresentado o Apple Watch. A empresa afirma que 97% dos consumidores que compraram o dispositivo estão satisfeitas com o produto.  Jeff Williams, o vice-presidente de operações da empresa, chegou a dizer que já existem 10 mil aplicativos específicos para o relógio da marca. O Apple Watch OS 2 passará a ser comercializado dentro de uma semana. 


leia também

A Apple aumentará sua fatia do bolo - Novos produtos podem mudar a expansão da empresa em novas áreas

A segurança na ponta dos dedos - Impressão digital fará com que pessoas deixem de carregar documentos

A transformação digital da agricultura - Tecnologia pode melhorar rendimento de produtores

Anac autoriza uso de celulares durante voos da Gol - Aparelhos deverão funcionar no modo avião

Angelus inaugura planta de R$ 10,4 milhões - Empresa de Londrina espera crescer 20% ao ano

Aparelho quer transformar televisão em tablet gigante - O Touchjet Wave detecta toques na tela

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: